Vida

Á espera de nova versão | Jeep Compass é vendido com desconto de até R$ 17 mil

Á espera de nova versão | Jeep Compass é vendido com desconto de até R$ 17 mil

A Jeep começou o segundo trimestre do ano agitando o mercado. Ela apresentou novidades para o compacto Renegade e mudanças mais profundas no médio Compass, que incluem novo motor e um interior totalmente reestilizado.

Com isso, para o consumidor, é hora de procurar por boas oportunidades para comprar os atuais modelos, que ficarão "velhos" nos próximos meses devido às alterações divulgadas pela marca. Para quem não faz questão de ter a última tecnologia, o momento pode ser de pechinchar nas concessionárias.

Revendas estão dando desconto de até R$ 17 mil no Compass em algumas versões. Com a chegada da nova reestilização, a marca já tinha reduzido a produção e a oferta das versões mais básicas e mais caras. As primeiras porque tem menor lucro por unidade, enquanto as de topo tendem a demorar mais a sair das lojas.

A maior parte das lojas consultadas tinha ofertas da versão intermediária Longitude com o motor 2.0 flexível. Em uma das concessionárias, o carro que era oferecido a R$ 157.990 está saindo a R$ 140.900, uma diferença de R$ 17.090. Havia também variantes com pintura sólida branca, com um valor menor.

A maior parte das unidades à disposição nas concessionárias à pronta entrega são da Longitude já com pacotes de opcionais instalados.

Dentre eles está o pacote Night Eagle, que além do acabamento todo escurecido e teto pintado de preto, oferece assistente de estacionamento, faróis de xenônio, partida remota pela chave presencial e sistema de som Beats.

Outras estavam equipadas com o pacote Premium, que tem os mesmos itens da Night Eagle, exceto pelos itens visuais, como o acabamento escurecido.

Algumas poucas unidades da versão de entrada Sport foram encontradas por R$ 122.990. O valor de tabela do site da Jeep é de R$ 138.320 - um desconto de R$ 15.330.

Velho motor x novo motor

O motor 2.0 flexível, que está saindo de linha na maioria das versões, entrega até 166 cv a 6.200 rpm e 20,5 mkgf a 4.000 rpm quando alimentado com etanol. Se rodando com gasolina, os dados são de 159 cv e 19,9 mkgf nos mesmos regimes do derivado de cana-de-açúcar.

O novo motor flexível da Stellantis, que estará no Compass a partir do meio do ano, é o 1.3 turbo. Ele rende até 185 cv com etanol e 180 cv com gasolina. O torque, independentemente do combustível, é sempre de 27,5 mkgf.