Tecnologia

Pets causam efeitos positivos na vida dos donos, revela pesquisa

Pets causam efeitos positivos na vida dos donos, revela pesquisa

Uma pesquisa encomendada pelo projeto National Pet Month, no Reino Unido, revelou que os donos de animais de estimação sentem efeitos positivos ao terem contato com os seus pets diariamente.

De acordo com o levantamento feito pela M&S Bank Pet Insurance, 94% dos mais de 2 mil entrevistados afirmaram que seus animais causam impactos positivos na sua saúde, fazendo com que sintam-se mais felizes (de acordo com 89% das pessoas), e mais calmos (50%).

A pesquisa indica também que 34% dos participantes perceberam uma melhora no bem-estar desde que adquiriram os animais de estimação, principalmente porque os pets os incentivam a sair de casa todos os dias para passear, mesmo durante o período de isolamento.

Em relação às atividades realizadas com seus pets, os donos afirmaram que, em média, passam 1h27 relaxando com os animais, cerca de 34 minutos conversando com eles, 26 minutos brincando e 33 minutos se exercitando com os amigos. Inclusive, alguns indivíduos disseram que praticam mais exercícios com a ajuda dos ets do que se não tivessem a companhia deles.

Grande parte dos entrevistados (89%) já consideram os seus companheiros como parte da família, e exemplo disso é que uma a cada cinco pessoas responderam à pesquisa disseram que já conheceram novas pessoas com a ajuda do pet durante os passeios diários, por exemplo.

“É ótimo ver as diversas maneiras como os animais de estimação melhoram positivamente nosso bem-estar geral e nos trazem felicidade. Isso mostra o quão importante eles são para tantas pessoas”, destacou Paul Stokes, chefe de produtos da M&S Pet Insurance, em entrevista ao tabloide britânico Daily Star.

Em contraponto, quase metade (44%) das pessoas consultadas revelaram que não possuem seguros ou planos de saúde para os seus animais, uma vez que não conseguem arcar com os custos mensais que devem ser desembolsados para o uso destes serviços. Alguns entrevistados disseram também que não adquirem os serviços por considerarem uma despesa desnecessária.

*Estagiário do R7 sob supervião de Pablo Marques