Política

CONTRA AÇÃO DE ARAS: O apoio de Juliette às Defensorias Públicas – Por Nelson Lima Neto

Sabe a ofensiva de Augusto Aras, o procurador-geral da República, contra as Defensorias Públicas, da União e estaduais, alegando que elas não teriam “prerrogativa de requisitarem informações de autoridades públicas e seus agentes?

Pois quem entrou hoje na lista de apoiadores das Defensorias foi Juliette Freire, a cantora e última vencedora do BBB, da TV Globo. Ela usou seu perfil no Twitter para fazer campanha contra a ação de Aras:

“Sem a prerrogativa de requisição, as milhões de pessoas que necessitam de assistência jurídica integral e gratuita efetivada pela Defensoria Pública (assistência social, previdência, educação, moradia e etc.) perderão a paridade de armas no processo”.

O Supremo vai começar a julgar a ação contra a prerrogativa das Defensorias na sexta-feira. Aliás, não custa lembrar: Juliette é advogada por formação e estagiou na Defensoria Pública.

A prevalecer a tese de Aras, a Defensoria do Rio não poderia ter requisitado os laudos cadavéricos no caso da chamada chacina do Jacarezinho. Também conhecido como “Massacre do Jacarezinho”, a chacina ocorreu em 6 de maio de 2021 durante uma operação da Polícia Civil que resultou em pelo menos 29 pessoas mortas a tiros ou com objetos de corte.