Mundo

Facebook mantém banimento de Donald Trump na rede social

Facebook mantém banimento de Donald Trump na rede social

O painel independente de supervisão do Facebook decidiu nesta quarta-feira (5) que vai manter o veto imposto pela plataforma ao ex-presidente dos EUA, Donald Trump, mas pediu uma revisão dessa medida nos próximos seis meses.

O conselho, cujas decisões são vinculantes para a rede social, afirmou que Trump "criou um ambiente onde um sério risco de violência era possível" com seus comentários sobre o ataque de 6 de janeiro de seus apoiadores ao Capitólio dos Estados Unidos.

"Dada a gravidade das violações e o risco persistente de violência, o Facebook tinha justificativa para suspender as contas de Trump em 6 de janeiro e estender essa suspensão em 7 de janeiro", disse o painel após sua revisão.

Veja também

Mas o painel acrescentou que "não foi apropriado para o Facebook impor a pena indeterminada e sem padrão de suspensão indefinida" e pediu à plataforma para "revisar o tema para determinar e justificar uma resposta proporcional" dentro de seis meses.

"Não é aceitável para o Facebook manter um usuário fora de sua plataforma por um período indefinido, sem critérios de quando ou se sua conta será restabelecida", disse o painel em sua opinião por escrito.

O veto de Trump também afetou sua conta no Instagram, de propriedade do Facebook.

E outras plataformas como Twitter e YouTube também retiraram as contas do então presidente.