Geral

Vestibular | Unesp 2021: Saiba tudo sobre a 2ª fase, remarcada para hoje

Vestibular | Unesp 2021: Saiba tudo sobre a 2ª fase, remarcada para hoje

Alunos aprovados na primeira fase da Unesp (Universidade Estadual Paulista) fazem hoje a prova da segunda etapa do vestibular, que dá acesso aos cursos de graduação em várias cidades do estado de São Paulo.

São 7.630 vagas em cursos de todas as áreas do conhecimento em 24 campi no interior, litoral e capital paulista.

Antes marcada para o dia 28 de fevereiro, a segunda fase foi adiada por decisão da Unesp e da Fundação Vunesp, que aplica o vestibular, diante do agravamento da pandemia da covid-19.

Uma das cidades que têm um campus da universidade é Araraquara, que viveu um cenário caótico de UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) lotadas depois da chegada de variantes do coronavírus.

Depois de um lockdown severo, a cidade vive hoje uma situação contrária da maior parte do país, com queda expressiva de mortes pela doença.

Como são as fases da Unesp

A primeira fase foi feita em dois dias, em 30 e 31 de janeiro, para diminuir o número de candidatos por sala, e foi avaliada como uma prova criativa e interdisciplinar por professores de cursinhos ouvidos pela reportagem.

A prova da segunda fase da Unesp é composta por 60 questões objetivas (20 de linguagens, 20 de humanas e 20 de exatas e ciências da natureza) e uma redação.

No vestibular da Unesp, a nota final que vai definir a classificação para as vagas ofertadas é calculada pela média simples entre a nota da primeira fase e a da segunda (que é igual à soma do resultado das 60 questões e da redação).

Para os cursos que têm provas de habilidades específicas, como arquitetura e artes cênicas, é só somar a nota dessa prova com as outras duas e dividir por três.

Os exames de habilidades específicas também tinham sido adiados e serão no dia 15 de maio. Para consultar o local das provas, basta acessar o site da Vunesp, entrar na área do candidato e digitar seu cadastro.

Horários e locais de prova

O horário de chegada será feito em grupos com intervalo de 30 minutos entre si. Esse sistema de escalonamento da chegada busca evitar aglomerações dentro e fora dos locais de prova. Por isso, confira essas informações com antecedência.

A primeira turma deve entrar às 13h, com intervalo de 20 minutos entre os grupos, esquema já utilizado na primeira fase.

Os portões serão fechados às 14h (horário de Brasília), quando oficialmente têm início as provas, e o edital ressalta que não serão admitidos atrasos.

O candidato só pode deixar o prédio depois de três horas de exame.

O que precisa levar

O que não pode levar

Os seguintes materiais não podem ser usados. Se levados para a prova, devem ser embalados e lacrados pelo fiscal de sala.

Também não se pode usar protetor auricular, boné, gorro, chapéu, óculos de sol, bandanas e similares. O edital da prova também exige que as orelhas dos candidatos fiquem visíveis, o que significa que cabelos longos não podem ficar soltos durante a prova.

Candidatos que tenham porte ou autorização de uso de armas de fogo não podem levá-las durante a prova. Os fiscais de sala e membros da comissão de vestibular não têm autorização para guardá-las.

Mais datas importantes