Geral

Secretaria Nacional | Governo volta atrás e reconduz PM na Cultura

Secretaria Nacional | Governo volta atrás e reconduz PM na Cultura

Governo volta atrás e nomeia de novo PM para cargo na Secretaria de Cultura

O capitão da PM-BA André Porciuncula Esteves é nomeado novamente para cargo na Secretaria Nacional de Cultura
O capitão da PM-BA André Porciuncula Esteves é nomeado novamente para cargo na Secretaria Nacional de Cultura
Reprodução/Facebook

Colaboração para Splash

30/09/2020 08h19

Duas semanas após tornar sem efeito a nomeação de André Porciuncula Alay Esteves para cargo na Secretaria Nacional de Cultura, o governo federal voltou atrás e reconduziu o capitão da Polícia Militar da Bahia ao cargo.

A nomeação de Esteves foi publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União e assinada pelo ministro chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto.

Continua depois da publicidade

No entanto, o mesmo Braga Netto havia assinado portaria, publicada em 16 de setembro no Diário Oficial, que tornava sem efeito a nomeação de Esteves para chefiar a Secretaria Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura.

O capitão da PM havia sido designado para o cargo em agosto passado. Os despachos administrativos, no entanto, eram assinados pelo secretário substituto, o servidor de carreira Homero Gustavo Reginaldo Lima.

Em seu perfil no Facebook, Esteves faz críticas às ações de isolamento social estabelecidas para conter a pandemia de coronavírus. Também costuma fazer citações bíblicas, elogios ao presidente (sem partido) e ao escritor Olavo de Carvalho.

Discurso histórico, do melhor presidente que esse país já teve.

Uma publicação compartilhada por André Porciuncula (@andreporci) em

Já posou ao lado do secretário especial da Cultura, Mario Frias.

Continua depois da publicidade

E do deputado federal .

O novo Secretário Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura também é contra as medidas de isolamento social durante a pandemia do novo coronavírus.

Continua depois da publicidade

Splash procurou o Ministério da Casa Civil para comentar a nova nomeação de Esteves e aguarda retorno.

Mudança oficializada no EBC

No Diário Oficial, Bolsonaro oficializou também a troca no comando da EBC (Empresa Brasil de Comunicação). O general Luiz Carlos Pereira Gomes foi exonerado o cargo de diretor-presidente da estatal e terá Glen Lopes Valente como substituto.

Publicitário, Glen tem passagens pelo mercado financeiro e já comandou os departamentos comercial e de marketing do SBT. Atualmente, exerce o cargo de secretário de publicidade e promoção da Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social) da Presidência da República.