Geral

No Limite | Barney: Conviver com Íris pareceu o pior desafio para os participantes

No Limite | Barney: Conviver com Íris pareceu o pior desafio para os participantes

A extraordinária Íris Stefanelli foi um dos principais destaques no BBB 7, depois brilhou durante anos como apresentadora do TV Fama e agora, de volta à Globo, funcionou como uma espécie de protagonista informal do No Limite.

A macambúzia encarnação atual do reality de sobrevivência chega a ter algum charme, com todos aqueles ex-BBBs que aprendemos a amar ou odiar em outras temporadas e provas que poderiam ser executadas no Ginásio do Ibirapuera em vez de uma praia.

Mas ninguém aproveitou melhor que Íris a oportunidade para brilhar novamente na tela da Globo. Sem medo de errar, e errando bastante, a eterna Siri foi uma personagem muito bem desenvolvida.

Falastrona e expansiva demais, ficou evidente que não conseguiu se encaixar em nenhum grupo. Mesmo boa de prova, foi eleita pelos colegas para trocar de time no meio da competição, dada a dificuldade de convivência.

E justamente por não fazer questão de brindar a harmonia da casa, ou do acampamento, ela se colocou como o maior desafio para os participantes da atual temporada. Sem provas muito extremas, difícil mesmo é lidar com Íris.

Para o azar do público, a trajetória estava sacramentada: nossa heroína foi eliminada pelos novos colegas, sem muita cerimônia. O programa perde sua principal atração e fica um pouquinho menos interessante, como se isso fosse possível.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.