Geral

Combate ao coronavírus | Rio de Janeiro, Santa Catarina, Goiás, Piauí e Mato Grosso do Sul iniciam vacinação

Combate ao coronavírus | Rio de Janeiro, Santa Catarina, Goiás, Piauí e Mato Grosso do Sul iniciam vacinação

Rio de Janeiro, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás, Piauí e Maranhão iniciaram hoje a vacinação contra a covid-19. De manhã, o Ministério da Saúde começou a distribuição das primeiras remessas da CoronaVac, vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. O processo foi iniciado a partir do Centro de Distribuição Logística do Ministério da Saúde em Guarulhos, na Grande São Paulo.

No Rio de Janeiro, um evento simbólico em frente ao Cristo Redentor deu início a vacinação do grupo prioritário, composto por profissionais da saúde e idosos. As primeiras doses da CoronaVac chegaram no Rio após quatro horas de atraso.

Na capital fluminense, a primeira a ser imunizada no estado foi Dulcineia da Silva Lopes, de 59 anos. Ela é técnica de enfermagem do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla. Terezinha da Conceição, 80 anos, foi a segunda pessoa a ser vacinada no estado

Em Santa Catarina, foram recebidas pouco mais de 144 mil doses da vacina. As primeiras doses da CoronaVac serão administradas hoje e amanhã começa a logística de distribuição para os estados.

Os primeiros vacinados no estado foram imunizados no Complexo Hospitalar de São José, na Grande Florianópolis.

Em Goiás, onde foram entregues mais de 87 mil doses da CoronaVac, o governador e médico Ronaldo Caiado (Democratas) aplicou a primeira vacina na idosa Maria Conceição da Silva, de 73 anos. Ela tem seis filhos e trabalhou como doméstica e gari. Hoje, dona Maria mora no Abrigo Professor Nicéphoro Pereira da Silva, em Anápolis.

O Piauí recebeu hoje 61.160 doses do imunizante. O governador do estado, Wellington Dias (PT), divulgou os seis primeiros vacinados no estado. Segundo Dias, eles são o médico obstetra Joaquim Vaz, a enfermeira Sheyla Barbosa, a técnica de enfermagem Marta Regina Madeira, a técnica de enfermagem Modestina Bezerra da Silva, a enfermeira da linha de frente Ana Maria Brito dos Santos e a médica Amariles Borba.

A vacinação também começou hoje no Mato Grosso do Sul. Quatro pessoas foram imunizadas em um ato simbólico de lançamento da campanha de vacinação no Hospital Regional de MS. A primeira vacinada foi Domingas da Silva, uma mulher indígena da etnia terena. Também receberam a CoronaVac dois profissionais da saúde e uma idosa que mora em uma instituição de longa permanência. O estado recebeu 158 mil doses.

Por volta das 20h, o Maranhão iniciou a vacinação no estado. Os primeiros a receber o imunizante foram a técnica de enfermagem Egle Maia Sousa, a indígena da Aldeia Arariboia, Fabiana Guajajara, a médica infectologista Conceição de Azevedo, o fisioterapeuta Henrique Novaes Sobrinho e a enfermeira Sônia de Matos.

Mais estados e DF recebem as primeiras doses

No Amazonas, Ceará, Cuiabá, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Tocantis e no Distrito Federal as primeiras doses da CoronaVac já chegaram.

O governador de Minas, Romeu Zema (Novo), anunciou que foram recebidas 561 mil doses da CoronaVac e que as primeiras doses da vacina serão aplicadas ainda hoje.

Na maioria dos estados, entretanto, a distribuição comandada pelo Ministério da Saúde enfrenta atrasos. Foi este atraso que provocou o adiamento do início da vacinação no Distrito Federal para amanhã.

Já o Espírito Santo, apesar de ter recebido das primeiras doses após as 18h (de Brasília), promete vacinar ainda hoje. Segundo o governador Renato Casagrande (PSDB), os primeiros a receberam a CoronaVac serão profissionais do Hospital Jayme Santos Neves, da cidade de Serra.

A situação é a mesma do Ceará, que confirmou o recebimento de 218 mil doses da CoronaVac em Fortaleza. O estado governado por Camilo Santana (PT) diz que vai começar a vacinação ainda hoje.

No Tocantins, a gestão do governador Mauro Carlesse (DEM) também informou ter recebido as primeiras doses no início da noite, mas ainda não deu previsão para começar a imunização.