Geral

Aulas do período 2020.2 na UEPB começam em 17 de fevereiro no formato online

Aulas do período 2020.2 na UEPB começam em 17 de fevereiro no formato online

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) aprovou por unanimidade o Calendário Acadêmico da Instituição para o semestre 2020.2, a ser executado em 2021. A proposta, decidida em reunião ordinária realizada na tarde desta terça-feira (24), por meio de videoconferência, foi encaminhada pela Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) e relatada pela professora Dóris Nóbrega, estabelece o início das aulas do período 2020.2 no dia 17 de fevereiro, ainda de forma remota. Já o semestre 2021.1 terá início no dia 14 de junho.

A pretensão é realizar, em 2021, pelos menos dois semestres completos (2020.2 e 2021.2) e iniciar outro (2021.2), com a perspectiva de normalizar o calendário em 2022, deixando-o em sintonia com o calendário administrativo.

A proposta assegura 78 dias letivos e leva em conta a realidade imposta pela pandemia da Covid-19. Pela proposta aprovada pelo Consepe, a oferta de componentes curriculares para o semestre 2020.2 acontece até o próximo dia 18 de dezembro. A pré-matrícula online será realizada no período de 21 a 27 de dezembro.

O prazo para a matrícula será de 18 a 22 de janeiro de 2021, com os reajustes de matrículas sendo realizados entre os dias 1º e 17 de fevereiro. Os dias de 9 a 11 de fevereiro de 2021 são reservados para a Jornada Pedagógica.

Em relação ao período 2020.1, o dia 15 de dezembro é a data limite para o registro de notas dos prováveis concluintes, com a digitação podendo ser feita até 29 do mesmo mês. O pró-reitor de Graduação da UEPB, professor Eli Brandão, informou que a PROGRAD deve realizar mais duas colações de grau do período 2020.1 este ano, no mês de dezembro, de forma híbrida, nos dias 10 e 21 de dezembro.

O Consepe também aprovou a proposta da Prograd que altera o disposto na Resolução 0229/200 e o Calendário Acadêmico 2021. A Resolução alterada estabelecia que o calendário seria executado em três etapas que vigorariam excepcionalmente durante o período de suspensão total ou parcial das atividades presenciais, decorrentes dos efeitos da pandemia da Covid-19, na vigência dos calendários acadêmicos 2020.1, 2020.2 e 2021.1, os quais poderiam ser modificados conforme demandados por novas circunstâncias.

O novo texto estabelece que os componentes curriculares que não forem concluídos em 2020.1 serão novamente ofertados no semestre letivo de 2020/2. A definição dos prazos e a completa regulamentação relativa às atividades de prática de laboratório e estágio supervisionado ficarão na incumbência dos centros, departamentos, colegiados de curso, Núcleos Docentes Estruturantes (NDEs), bem como das medidas adotadas pela Universidade no Plano de Retomada e no Plano de Contingência, além das diretrizes do Conselho Nacional de Educação (CNE) ou do Conselho Estadual da Educação (CEE).

A resolução prevê a realização de atividades presenciais apenas para alunos dos dois últimos períodos da área de Saúde, obedecendo as condições sanitárias e os protocolos de biossegurança. Essas atividades devem ser realizadas fora do âmbito da universidade, como os estágios em hospitais com os quais a UEPB tem parceria. O calendário se encerra no dia 29 de dezembro.