Esportes

Sporting aposta em empresa do Brasil para gerar receita em meio à pandemia

A partida entre Sporting e Porto, hoje (17), às 16h30 (de Brasília), terá uma novidade para o torcedor que acompanha o futebol português. Telas de LED foram instaladas atrás dos gols do estádio José Alvalade, em Lisboa, para aumentar as propagandas durante a partida e visam fomentar a receita do clube em meio à pandemia do novo coronavírus.

Sem a possibilidade de receber público no local por causa da pandemia, o Sporting se acertou com a empresa brasileira 4YouSee Arenas a fim de desenvolver a interação de patrocinadores e torcedores que assistirão ao compromisso válido pela quarta rodada do Campeonato Português.

Fundador e sócio da empresa, Joaquim Lopes explica a intenção do projeto desenvolvido com o Sporting e quais são as possibilidades de receita.

"A ideia é melhorar a marca no momento em que o torcedor está muito engajado como clube de coração dele. Durante o jogo, a gente pode contar uma história, onde a gente insere a marca na história. Dependendo do resultado do jogo, o anúncio é um ou outro. A comunicação acompanha a história do jogo. Se o time estiver ganhando, faremos uma comunicação, se o time estiver perdendo ou empatando, faremos outra. É uma tecnologia que monitora redes sociais para saber como as pessoas estão interagindo. Ela considera vários fatores para criar uma comunicação mais personalizada. As marcas serão vistas pela televisão agora por causa da pandemia. O próprio clube terá um aumento de receita com isso", afirmou ao UOL Esporte.

"A gente é a possibilidade de mais uma receita adicional durante a pandemia. Houve algumas reduções, a maior delas é a falta de bilheteria durante a temporada. Foi muito bem aceito, porque eles querem, quando voltar o público, voltar com novidade para os torcedores. Eles não querem passar a impressão que ficaram sentados, esperando as coisas voltarem ao normal", acrescentou.

Os eventos realizados nos Estados Unidos, sobretudo em esportes como basquete e futebol americano, são a fonte de inspiração da 4YouSee Arenas. Matheus Pardini, sócio da empresa, explica como surgiu a ideia de trabalhar o conteúdo em tempo real nos jogos de futebol.

"O que a gente vê é que, nos Estados Unidos, o americano é muito bom para promover o evento esportivo. Ele mobiliza a cidade, a interação com as marcas. É impressionante. A gente vê que, na Europa, os clubes de futebol, mesmo sendo o esporte de maior visibilidade do mundo, não mobilizam todo o potencial, como os americanos fazem no basquete e no futebol americano. No Brasil, a gente tem muito a avançar também. Uma vez que esse modelo está aqui, funcionando aqui, para a gente ir ao Brasil, a gente chega com um nível de autoridade maior", comentou em entrevista ao UOL Esporte.

O Estádio José Alvalade oferece comodidades que o transformam em um local com avaliação de cinco estrelas pela Uefa. Isso permite que o espaço seja sede de final de Liga dos Campeões. As instalações permitirão um trabalho diferente por parte da empresa.

"A gente tem o conceito que de momentos premium, como o gol, uma chamada do VAR, um intervalo. A gente pode fazer ações para gerar um engajamento especial com a marca. Imagine que o Sporting está vencendo o jogo. Um dos patrocinadores do jogo é uma companhia aérea. No momento do gol, por exemplo, ela pode trazer uma mensagem assim: 'A companhia X leva você mais longe'. Aí, no gol do Sporting, ela oferece 10% de desconto para o torcedor que comprar a passagem. A gente consegue gerar uma conexão da marca com a história do jogo. Se o time estiver perdendo, a marca pode optar por não aparecer ou colocar uma mensagem mais neutra", explicou Joaquim Lopes.