Esportes

Opinião: Rodolfo Rodrigues - Rodrigo Muniz e Matheuzinho surgem como ótimas opções para o Flamengo

Sem poder contar com seus dois principais artilheiros da temporada 2020 e 2021 —Gabigol, que está disputando a Copa América, e Pedro (com covid-19)—, o técnico Rogério Ceni vem acionando o jovem Rodrigo Muniz como o centroavante do Flamengo. E nesse início de Brasileirão e Copa do Brasil, para o Rubro-Negro, a solução tem funcionado muito bem.

Atacante com ótima finalização e bom posicionamento, Muniz marcou 4 gols nos últimos 4 jogos. Na Copa do Brasil, o atacante de 20 anos fez 1 gol na vitória por 1 x 0 contra o Coritiba, fora de casa, e outro no jogo de volta, na vitória por 2 x 0, no Maracanã. Pelo Brasileirão, marcou 2 gols na derrota para o Bragantino por 3 x 2, um deles de bicicleta.

Na partida do último sábado, contra o Bragantino, Rodrigo Muniz deu 10 finalizações na partida (um recorde nesse Brasileirão em um único jogo). Para se ter uma ideia, o São Paulo deu 10 finalizações em seus 5 jogos nessa Série A. Além dos 2 gols, Muniz deu ainda mais 3 finalizações certas, totalizando 5 chutes a gol, outro recorde para um jogador.

Atacantes do Fla em 2021 - SofaScore - SofaScore
Rodrigo Muniz, Gabigol e Pedro pelo Flamengo em 2021
Imagem: SofaScore

Nessa temporada 2021, contando os jogos do Campeonato Carioca, Rodrigo Muniz já soma 9 gols. Assim, já é o 2º maior artilheiro do Flamengo ao lado de Pedro, mas com apenas 7 jogos como titular. Gabigol segue como o principal artilheiro com 15 gols. Segundo o site SofaScore, Rodrigo Muniz tem ainda uma pontaria melhor que os outros dois centroavantes, acertando 61% de suas finalizações, contra 53% de Gabigol e 60% de Pedro, precisando assim de menos chutes para marcar. Há quem já o compare com Adriano Imperador em seus primeiros anos pelo time da Gávea. O chute potente, pelo menos, é parecido até aqui.

Outro destaque das categorias de base do Flamengo até aqui nessa ausência de titulares é o lateral direito Matheuzinho. Terceira opção em 2020 (o reserva de Rafinha e depois de Isla era João Lucas, hoje no Cuiabá), Matheuzinho vem mostrando um futebol eficiente e sem falhas. Só nessa temporada 2021, o lateral deu 5 assistências em 15 jogos como titular. Isla e Filipe Luís, laterais titulares, deram uma assistência cada na temporada toda. No último jogo, foi de Matheuzinho o cruzamento para o gol de bicicleta de Rodrigo Muniz. Apenas Michael deu mais assistências (7) nessa temporada.

Com o chileno Isla na Copa América e depois provavelmente com sua seleção nas Eliminatórias, Matheuzinho tem boa chance até de virar titular da equipe de Rogério Ceni. Já Rodrigo Muniz aparece também como ótima opção para o time nessa temporada, na qual o Flamengo certamente perderá seus dois principais centroavantes para as seleções (principal e olímpica).

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)