Esportes

Na pandemia | Sem Globo, SBT terá 1ª transmissão da TV aberta em estádio

O SBT terá o narrador Téo José na final da Copa Libertadores entre Palmeiras e Santos, às 17h, no próximo dia 30 de janeiro, no estádio do Maracanã. É a primeira vez desde o início da pandemia que uma TV aberta manda seu narrador para trabalhar in loco em um jogo de futebol no Brasil.

A partida marcará o retorno do narrador aos jogos após recuperação da covid - a doença o tirou do segundo jogo da semifinal entre Palmeiras e River, em que os argentinos venceram por 2 a 0. Além de Téo José, o SBT enviará os repórteres André Galvão e Fernanda Arantes para o local do jogo. Os comentaristas Mauro Beting e Jorginho vão trabalhar do estúdio.

A reportagem do UOL Esporte apurou que Téo José só não vai ao Maracanã caso a situação de contágio do novo coronavírus mude na cidade do Rio de Janeiro - atualmente, a Secretaria de Saúde do Governo do Estado do Rio de Janeiro coloca a região da capital em "risco alto" de contágio. A Conmebol tem aprovado credenciamentos de profissionais normalmente, dando preferência para TVs e parceiros comerciais. A entidade avisa aos credenciados que a situação pode mudar sem aviso prévio.

Responsável pela transmissão da maioria dos jogos do futebol brasileiro na TV aberta, o Grupo Globo ainda evita mandar narradores e comentaristas para estádios. A emissora entende que colocaria seus profissionais em risco em meio à pandemia do coronavírus. Apenas uma equipe reduzida de repórteres de campo e cinegrafistas tem ido às partidas.

Desde o final de março de 2020, apenas um duelo foi exibido com equipe completa de TV no estádio: Flamengo 1 x 1 Racing, pelas oitavas de final da Libertadores, com narrador, comentarista, repórteres e produtores do Fox Sports no Maracanã — João Guilherme narrou a partida, com análises de Zinho. A emissora de TV paga do Grupo Disney ainda avalia se fará isso novamente. A decisão sairá até o final desta semana.

Arena SBT especial

Outra definição do canal de Silvio Santos para a decisão do torneio sul-americano envolve o "Arena SBT", programa semanal de debates do canal. Duas edições especiais estão programadas, uma antes e outra depois do confronto.

O apresentador Benjamin Back e os comentaristas Maurício "Mano" Borges, Emerson Sheik e Cicinho já foram avisados da ideia. Uma edição iria ao ar às 16h, uma hora antes da partida. A outra entraria assim que a partida terminasse, independentemente do horário, com duração de 30 minutos. O setor de programação do SBT ainda avalia a proposta. Se a Conmebol aprovar, a atração será feita também do Maracanã.

O objetivo no SBT é superar a marca de 20 pontos de Ibope na Grande São Paulo -Palmeiras 0 x 2 River Plate atingiu 19 pontos de média na capital. A emissora acredita na liderança no horário por causa da concorrência mais fraca na Globo. No horário do jogo, sábado entre 17h e 19h, a emissora carioca mostra "Caldeirão do Huck" e a novela "Flor do Caribe".