Esportes

Medina acerta manobra incrível em bateria que valeu título mundial; veja

A conquista o tricampeonato mundial de Gabriel Medina veio em grande estilo na tarde de hoje. O surfista de Maresias, que superou o compatriota Filipe Toledo, fez uma manobra incrível na bateria que valeu o título de campeão de 2021 do Circuito Mundial, organizado pela WSL (Liga Mundial de Surfe).

Em uma performance impressionante, Medina conseguiu um backflip na disputa da última bateria da final. A manobra, que consiste em um mortal para trás, rendeu nota de 9,03 ao brasileiro. Veja no vídeo abaixo.

Medina já havia vencido a primeira bateria na melhor de 3 contra Filipinho e sacramentou o título mundial com nova vitória na segunda bateria.

Gabriel foi campeão mundial pela primeira vez em 2014, conquistou o bicampeonato em 2018 e agora leva o tri em um ano marcado também pela polêmica nas Olimpíadas de Tóquio, quando foi eliminado pelo japonês Kanoa Igarashi na semifinal e terminou na quarta posição.

O título de Medina é o quinto do Brasil no Circuito Mundial de Surfe. Além dos três de Gabriel, Adriano de Souza, o Mineirinho, e Italo Ferreira foram campeões em 2015 e 2019, respectivamente.

"Estou muito feliz. Estou chorando porque são muitas emoções ao mesmo tempo, felicidade. Os outros caras me incentivaram", disse Medina, chorando, ainda dentro d'água.