Esportes

Julio Gomes | Palmeiras erra pouco e mata quem lhe dá presentes

Rodada após rodada, o Palmeiras vai se consolidando na liderança do Campeonato Brasileiro. É um time que emociona? Não. Empolga? Longe disso. Mas é um time firme, que dança conforme a música e que erra pouco.

Neste sábado, a vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense veio com presentes embrulhadinhos. No primeiro tempo, o Flu perdeu duas chances de gol que não podem ser perdidas por um time que sonha até com Libertadores. No segundo tempo, foi a defesa que resolveu ajudar o adversário.

O lance do gol do Palmeiras tem uma falha clamorosa de Egídio na marcação, que permitiu a Raphael Veiga entrar na área e cruzar. E aí Manoel tocou contra as próprias redes, completando o "serviço" sem nem estar tão pressionado assim por algum atacante. Um gol dado.

O Palmeiras foi pior no primeiro tempo, melhorou no segundo e passou os 15 minutos finais levando sufoco. Ganhou sem ter que fazer muita coisa. Marcos Rocha também chegou a dar um presentinho na reta final, mas o Fluminense não aproveitou. E, assim, o campeonato vai passando. Enquanto alguns vivem nos altos e baixos, o Verde aproveita todas as chances que recebe e ganha a sétima consecutiva.

É claro que a eliminação para o CRB, na Copa do Brasil, é uma mancha na temporada. E é claro que o confronto contra o arquirrival São Paulo, na Libertadores, será um divisor de águas. Mas o fato é que a consistência do Palmeiras é indiscutível no momento, goste-se ou não do estilo de jogo.