Esportes

Ex-chefe da Ferrari, Domenicali será próximo CEO da Fórmula 1

O ex-chefe de equipe da Ferrari Stefano Domenicali vai substituir Chase Carey como chefe-executivo da Fórmula 1 antes do início da próxima temporada, confirmaram fontes de alto escalão hoje.

Não houve nenhum comentário oficial da Liberty Media, proprietária da F1. A notícia foi divulgada pela primeira vez pelo racefans.net e confirmada pela Reuters.

A BBC também confirmou a informação, citando fontes.

Domenicali, de 55 anos, é atualmente presidente e chefe-executivo da fabricante italiana de carros esportivos Lamborghini e também atua como chefe da comissão de monopostos da FIA (Federação Internacional de Automobilismo).

O italiano comandou a Ferrari na F1 de 2008 a 2014. Carey preside a Fórmula 1 desde 2017, quando a Liberty, com sede nos Estados Unidos, assumiu o esporte e retirou o ex-chefe comercial Bernie Ecclestone.