Esportes

Capitã do Taboão desabafa após goleada: "Não temos apoio nenhum"

No intervalo da histórica goleada sofrida diante do São Paulo por 29 a 0 no Campeonato Paulista de futebol feminino na Arena Barueri, a capitã do Taboão da Serra, Nini, desabafou sobre as condições enfrentadas pelo elenco que representa a cidade da região metropolitana de São Paulo na disputa do torneio.

Antes do início da segunda etapa, o placar já marcava 17 a 0. "O nosso time é muito jovem, praticamente não tivemos treinos", disse ela, que relatou uma rotina de apenas três dias de preparação antes da partida.

"Usamos a camisa do CATS, mas o clube ajuda em pouca coisa", desabafou. "As atletas estão sem ganhar nada, ninguém tem salário ou condução. A gente não tem roupa de treino, não tem apoio nenhum do clube. Usamos o nome para participar do Campeonato Paulista porque acreditamos que é uma oportunidade para as mais novas", finalizou Nini.

A partida foi válida pela segunda rodada do torneio, que é dividido em dois grupos de 12 clubes. Na primeira fase, as equipes se enfrentam em turno único. As quatro melhores avançam para as quartas de final.

Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Realidade Jovem, em Cotia. Já o Taboão visita a Ferroviária, em Araraquara.