Esportes

Vingança? Vitória parcial de Calderano por 7 a 1 sobre alemão rende memes

O resultado de Hugo Calderano contra o alemão Dimitrij Ovtcharov não foi o que a torcida queria, mas o duelo, válido pelas quartas de final do tênis de mesa dos Jogos Olímpicos de Tóquio, ao menos por um instante, lavou a alma dos brasileiros e rendeu memes nas redes sociais.

Calderano perdeu, de virada, por 4 sets a 2, e acabou dando adeus à disputa individual da modalidade. Durante o quinto set, o brasileiro chegou a estar vencendo por 7 a 1, o que fez muitos considerarem, em tom de brincadeira, uma vingança pela derrota na Copa do Mundo de 2014, no Brasil — quando a equipe alemã venceu na semifinal por este placar.

Na transmissão do SporTV, quando Calderano alcançou a vantagem, o narrador Everaldo Marques chegou a falar aos telespectadores para tirar "print" da tela para zoar com os alemães. "Esperamos sete anos para devolver o 7 a 1, Brasil. Printa aí! Bota na rede social. Marca os caras"

Rapidamente, diversas fotos do placar com o 7 ao lado da bandeira do Brasil e o 1 ao lado da alemã ganharam as redes. Houve, porém, aqueles que ressaltassem que a virada de Ovtcharov se iniciou justamente a partir deste momento, falando em "maldição" do 7 a 1.

Calderano foi o primeiro brasileiro a chegar às quartas de final dos Jogos Olímpicos. Até então, a melhor campanha havia sido a classificação às oitavas. O primeiro a conseguir esta marca foi Hugo Hoyama, em Atlanta-1996. Posteriormente, foi igualado por Calderano na Rio-2016 e Tóquio, e Gustavo Tsuboi, também em Tóquio.