Educação

Startup tem simulado do Enem que garante bolsa em 150 faculdades

Startup tem simulado do Enem que garante bolsa em 150 faculdades


A plataforma de acesso ao ensino superior Amigo Edu vai realizar um simulado gratuito e online uma semana antes da primeira prova do do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O Enae (Exame Nacional do Amigo Edu) vai ocorrer neste sábado (9).

Além de enviar a cada participante o gabarito comentado do simulado, com uma lista das matérias que ele precisa estudar mais para a prova do Enem, o Enae pode ser utilizado pelo
participante, a partir da pontuação obtida no simulado, como acesso para mais de 150
faculdades de todo o Brasil que fizeram parceria com o Amigo Edu. Mais de 70 mil
estudantes já se inscreveram para o Enae.

O candidato pode usar a nota do simulado como mais uma opção de ingresso
entre as faculdades listadas, sem necessidade de fazer o vestibular da instituição
escolhida.

Além disso, as faculdades participantes também oferecem bolsas de estudo
para matrículas feitas através da plataforma do Amigo Edu. Entre as faculdades de todo
o país que vão usar a nota do Enae estão a FMU, Anhembi Morumbi, Belas Artes,
Uniasselvi, FAM, UNP e UNIFACS, entre outras.

As inscrições para o ENAE estão abertas até esta sexta-feira (8) e podem ser feitas pela página amigoedu.com.br/enae.

O ENAE vai seguir a mesma metodologia do Enem, tanto na sua composição quanto nos
critérios de avaliação. O aluno terá 5h30 para realizar a prova de forma online.

A prova será composta de 90 questões múltipla escolha, sendo:
• Matemática com 23 questões
• Linguagens com 23 questões, sendo 2 de língua estrangeira (inglês ou espanhol)
• Ciências da Natureza com 22 questões
• Ciências Humanas com 22 questões
• Redação

O simulado do Amigo Edu poderá ser útil até para o estudante focado apenas no Enem.
Isso porque cada participante vai receber uma avaliação de seu desempenho apenas 3
dias após o Enae, com tempo para checar as matérias que precisam de reforço antes da
primeira prova do Enem, marcada para 17 de janeiro.

Também será possível fazer um comparativo da sua nota com outros candidatos do mesmo curso e simular como o aluno se sairia no SiSU (Sistema de Seleção Unificada).

A iniciativa da plataforma Amigo Edu pode ser uma solução para o aluno que não quiser
esperar o resultado do Enem, previsto para sair apenas no final de março, para ingressar
na universidade.

Por conta do coronavírus, todo o calendário do Enem de 2020 foi alterado. As provas, inicialmente marcadas para novembro, tiveram de ser adiadas. O Enem será realizado em 17 e 24 de janeiro (prova impressa). A prova digital, uma novidade da atual edição, também ocorrerá em duas datas: 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021.

A mudança de datas das provas acabou alterando o calendário dos processos de seleção. Os candidatos para o Programa Universidade para Todos (Prouni), por exemplo, usarão notas do Enem 2019, levando em conta que parte das universidades deve iniciar as aulas em fevereiro.

O Prouni 2021 terá inscrições abertas de 12 a 15 de janeiro O MEC prevê uma segunda edição do programa para quem acaba de ter concluído o ensino médio, usando as notas do Enem 2020.

Já para os alunos interessados numa bolsa para escolas particulares pelo Fies (Fundo de Financiamento Estudantil), a alternativa é utilizar a melhor dentre as notas das
edições do Enem desde 2010.

O Fies 2021 abrirá inscrições de 26 a 29 de janeiro. A mesma regra valerá para a segunda edição, mas o candidato poderá usar a nota da última prova se assim quiser.

Com o Enae, o candidato pode evitar essa demora e escolher direto entre as faculdades que fizeram parceria com a plataforma. Levantamento da Abmes (Associação Brasileira das Mantenedoras do Ensino Superior) mostra que a alteração do calendário de provas do Enem e dos processos de seleção poderá atrasar o ingresso de 3,5 milhões de alunos no ensino superior privado.

Inscrições:
https://amigoedu.com.br/enae

Compartilhe: