Educação

Prova da Olimpíada de Astronomia e Astronáutica será virtual

Prova da Olimpíada de Astronomia e Astronáutica será virtual

Pela primeira vez em 23 anos de existência, a OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica) será realizada virtualmente devido a pandemia de coronavírus.

As provas, que antes eram realizadas em fase única, presencialmente nas escolas e em maio, agora acontecerão de forma virtual e em novembro, nos dias 12 e 13. Instituições públicas e privadas de ensino poderão se inscrever até o dia 5 de novembro.

A competição é dividida em quatro níveis: os três primeiros são para alunos do ensino fundamental e o quarto para os do ensino médio. A prova continua sendo realizada em única fase, com dez questões, em sua maioria, no entanto, de múltipla escolha, por conta do novo formato. Serão sete questões de Astronomia e  Astronáutica. As medalhas são distribuídas conforme a pontuação obtida por cada nível.

Os melhores classificados na OBA representam o país nas olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica e Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica de 2021. E os participantes dessa edição ainda vão concorrer a vagas nas Jornadas Espaciais, que acontecem em São José dos Campos (SP), onde os participantes recebem material didático e assistem a palestras de especialistas.

Os professores deverão inscrever seus alunos na plataforma onde será realizada a prova. Um tutorial para o seu uso está disponível na página principal do site da OBA.