Economia

Ser Educacional: Cade aprova negócio que aumenta em 40% número de alunos

Ser Educacional: Cade aprova negócio que aumenta em 40% número de alunos

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a compra da Fael pela Ser Educacional. A operação por 280 milhões de reais foi divulgada em maio pelos executivos e estava em análise pelo órgão desde então. Com a chancela, sem restrições, o grupo comandado pelo empresário Jânyo Diniz passa a ter, agora, aproximadamente 330 mil estudantes matriculados na rede, um ganho de cerca de 40% após o negócio.  A Fael é uma instituição de ensino superior digital com cerca de 90 mil alunos e com a maior parte dos polos localizada nas regiões Sul e Sudeste. Importante lembrar que o valor final da operação está sujeito a um ajuste de capital de giro e dívida líquida da Fael, assim como ao pagamento de um bônus de 17,5 milhões de reais condicionados à performance da companhia.

  • Leia mais
  • Carta ao Leitor: Gasolina na fogueira
  • Alta dos preços da gasolina agrava a delicada situação econômica do país
  • Câmara aprova MP que autoriza postos a comprar etanol de produtores