Vida

Velocista recordista adota dieta vegetariana estrita para se preparar para as Olimpíadas

Velocista recordista adota dieta vegetariana estrita para se preparar para as Olimpíadas
Instagram

Estrela em ascensão, Elijah Hall recentemente aderiu a uma dieta vegetariana estrita como parte do treino para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Ele estava programado para participar dos jogos de 2020, que originalmente começariam próxima semana, mas foram adiados para 2021 devido às restrições de aglomeração em massa impostas pela Covid-19. Durante este período, Hall decidiu aprimorar suas condições nutritivas abolindo o consumo de alimentos de origem animal.

O jovem atleta é o Campeão Nacional do NCAA 2018 com os Houston Cougars e também o recordista americano dos 200 metros internos.

Hall diz que sua nova dieta – que inclui pratos favoritos como tacos de “frango” e Beyond Burgers – forneceu mais energia, melhores condições de sono, e um sentimento geral de estar mais leve em sua postura, tanto nas pistas quanto fora delas. “Eu queria tentar uma aproximação diferente de todas as que já fiz até hoje”, Hall disse à “VegNews”. “Eu li sobre grandes atletas que aderiram dietas vegetarianas estritas e tiveram carreiras prolongadas.”

Um número de atletas profissionais em vários esportes -incluindo a campeã de tênis Venus Williams, o profissional da NFL Colin Kaepernick, o corredor de ultramaratonas Scott Jurek, e o boxeador David Haye – creditaram o veganismo por suas saúdes e performances aprimoradas. Mais cedo este ano, o campeão mundial de corrida de carros Lewis Hamilton disse: “Acredito que minha saúde só melhorou mais e mais durante os últimos anos em que aderi à dieta à base de plantas”. E o campeão de tênis Novak Djokovic disse: “É mais do que apenas uma melhora de desempenho para mim, é um estilo de vida, é algo do qual muito me orgulho.”

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO