Vida

​Três mil artistas já se cadastraram na Paraíba para receber auxílio emergencial destinado à área cultural

​Três mil artistas já se cadastraram na Paraíba para receber auxílio emergencial destinado à área cultural

Três mil pessoas na Paraíba já se cadastraram na plataforma para solicitarem o benefício ao auxílio emergencial destinado aos trabalhadores da área cultural. Ao todo serão investidos R$ 36,5 milhões, em 120 dias, conforme prevê a Lei Aldir Blanc. O sistema fica aberto até o próximo dia 30 de setembro. No entanto, os interessados devem ficar atentos aos critérios pré-estabelecidos. A Paraíba foi o quarto Estado a ter sua estratégia de ação autorizada e a previsão para a chegada do primeiro lote de recursos é o dia 11 de setembro.

De acordo com o coordenador da Lei Aldir Blanc na Paraíba, Pedro Santos, a verba será utilizada em duas estratégias: a primeira metade vai para uma renda mensal de três meses de R$ 600 – semelhante ao auxílio da Caixa Econômica Federal – e a outra parte, R$ 18 milhões, será por meio de editais e chamamentos públicos, um total de 14 editais. A expectativa é beneficiar pelo menos 10 mil pessoas.

“No inciso 3 a gente está concluindo as minutas dos editais. Serão 14 editais lançados e esses editais vão ter uma capacidade de abranger toda diversidade de cultura paraibana – teatro, dança, circo, música, cultura popular, hip hop, repper, artes visuais, fotografia – enfim, um diversidade bem interessante e para isso a gente coloca o valor excedente, R$ 18.164.540,30”, explicou Pedro santos, em entrevista ao portal ClickPB, destacando que haverá estímulo de retomada as atividades culturais.

O dinheiro ainda não foi colocado e conta. Para evitar fraudes, os inscritos terão que preencher uma declaração sobre a atividade artística que exercem. Além disso, o coordenador informou que os inscritos passarão por um processo de triagem tendo alguns critérios como não ter emprego formal, não ter sido beneficiado pelo auxílio Caixa Econômica, por exeemplo. A Lei Aldir Blanc foi regulamentada pelo Governo Federal por meio do Decreto 10.464, publicado no Diário Oficial da União (DOU). Para solicitar basta entrar no link www.cadastrocultural.pb.gov.br.