Vida

Diretor de "Game Changers" não come carne desde os anos 1980

Psihoyos é diretor do documentário que mostra que atletas podem prosperar e garantir grandes resultados seguindo uma dieta à base de vegetais (Fotos: Divulgação)
Psihoyos é diretor do documentário que mostra que atletas podem prosperar e garantir grandes resultados seguindo uma dieta à base de vegetais (Fotos: Divulgação)

O diretor do documentário pró-vegano “The Game Changers”, que no Brasil recebeu o nome de “Dieta dos Gladiadores”, Louie Psihoyos, participou na semana passada do podcast Joe Rogan Experience, revelando que ele abdicou do consumo de carne nos anos 1980.

Psihoyos, que venceu o Oscar em 2009 com o filme “The Cove”, relatou que à época ele estava produzindo uma reportagem para a revista Fortune sobre as maiores fazendas de gado dos Estados Unidos.

“Havia uma em Oklahoma que era tão grande que eles tinham o seu próprio matadouro. Eles matavam esses animais com uma captive bolt pistol [pistola de atordoamento em que um dardo penetra o cérebro da vítima]. Isso deveria ser instantâneo, mas havia um animal que continuava vivo.”

E acrescentou: “Naquele momento, ele estava pendurado de cabeça para baixo, sua pele foi arrancada e ele continuava me observando e me seguindo com os olhos enquanto se debatia. Pensei: “Sou parte disso, então parei de comer carne em seguida.”

Disponível na Netflix desde outubro, o documentário “The Game Changers”, que mostra que atletas podem prosperar e garantir grandes resultados seguindo uma dieta à base de vegetais, conta com produção de James Wilks, James Cameron (mais conhecido por filmes como Titanic, Exterminador do Futuro e Avatar) e Arnold Schwarzenegger, que declara que não precisamos consumir alimentos de origem animal.

Também participam do filme o levantador de pesos alemão Patrik Baboumian, o piloto de Fórmula 1 Lewis Hamilton, o maratonista Scott Jurek e o halterofilista olímpico Kendrick Farris, entre outros atletas de diversas modalidades.