Vida

Cachorro sofre na rua por conta de frio intenso e busca adoção em Campinas (SP)

Cachorro sofre na rua por conta de frio intenso e busca adoção em Campinas (SP)
Divulgação

Amarelo é um cachorro jovem, de aproximadamente três anos, que vive nas ruas de Campinas, no interior de São Paulo. Ele é alimentado diariamente pela protetora de animais Ana Cavalcanti. No entanto, as baixas temperaturas que atualmente atingem a cidade têm condenado o animal a sofrimento. Por essa razão, ele precisa de um lar com urgência.

Segundo Ana, o animal vive em um antigo depósito de materiais desativado que virou um canteiro de obras por onde passará o BRT (ônibus de trânsito rápido). Por conta das obras, a guarita onde o cachorro se protegia do frio e da chuva está em processo de demolição.

No último final de semana, as telhas da guarita foram retiradas. Sem esse local para dormir, Amarelo ficou completamente vulnerável ao frio. Na última terça-feira (26), Campinas chegou a registrar 6,5ºC. O frio intenso pode adoecer o animal e até matá-lo por hipotermia.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO
Divulgação

Preocupada com o bem-estar do cachorro, Ana Cavalcanti está à procura de um adotante para o animal – ou de alguém que ofereça lar temporário até que ele encontre um lar definitivo. Segundo ela, Amarelo é dócil e amoroso, mas é bastante medroso. A vida nas ruas não é fácil para os animais, gera traumas e os deixe receosos. No entanto, conforme explicou a protetora, “com muito amor e paciência, logo ele vai se entregar” e deixar o medo dos humanos de lado.

“O ideal é ele ser adotado ou abrigado temporariamente por uma família muito paciente. Ele corre, ele brinca, mas é muito medroso. Não morde, mas se treme inteiro quando a gente se aproxima”, explicou a protetora, que suspeita que o animal tenha sido agredido e, por isso, seja traumatizado.

Amarelo é de porte médio, pesa aproximadamente 25 kg, e precisa sair das ruas com urgência. Interessados em oferecer lar temporário ou adotá-lo podem entrar em contato com a Ana através do WhatsApp: 19 99817.3741.