Tecnologia

Indígenas protestam neste domingo contra derrubada de árvores em SP

Indígenas protestam neste domingo contra derrubada de árvores em SP

Índios guaranis da região do Jaraguá, na zona noroeste de São Paulo, farão uma manifestação na manhã deste domingo (2) contra um empreendimento da construtora Tenda em um terreno no local. Os indígenas farão um plantio de 200 árvores de Mata Atlântica para, de forma de simbólica, substituir parte das árvores já derrubadas pela companhia.

A incorporadora iniciou recentemente, nas imediações do terreno ao lado da Aldeia Ytu, em frente à Aldeia Pyau e no entorno da Aldeia Yvy Porã, as obras de construção de um empreendimento imobiliário de alto padrão de cinco prédios para 800 pessoas. Segundo a comunidade, mais de 4.000 árvores – na região de Mata Atlântica – serão derrubadas. A empresa nega e informa que a autorização da prefeitura determina o corte de 528 árvores, o replantio de outras 549 no local e a doação de 1.099 mudas para o município.

Habitantes da região relatam que, além das árvores derrubadas, animais morreram desde o início das obras. Os moradores se mobilizam para tentar resgatar pássaros e salvar as colônias de abelhas no local.

As obras da construtora têm licenciamento ambiental concedido pela Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente. No entanto, na última sexta-feira (31), a fiscalização ambiental suspendeu a licença por uma semana para reavaliação.

A área na qual a construtora quer realizar as obras pertence à RBCV (Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo), certificado conferido pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) a áreas que compreendem ecossistemas terrestres, marinhos e costeiros, onde deve-se promover soluções que conciliem a conservação da biodiversidade ao uso sustentável.

Em nota, a Tenda diz que "reafirma seu respeito à comunidade local e ressalta que todos os procedimentos necessários foram adotados para a legalização do empreendimento, com aprovação dos órgãos competentes". A empresa informa ainda que, "conforme o Plano Diretor do município de São Paulo, a área em questão tem destinação exclusiva para a moradia da população de baixa renda, que é o objetivo da construção. A Tenda reforça que está à disposição das autoridades e da sociedade civil para qualquer esclarecimento."

Serviço

Evento: Plantio 200 árvores no terreno ao lado de aldeias indígenas

Data: 2/02

Horário: 10h

Endereço: Rua Comendador J. de Matos - CEP: 05177-100