Política

Reforma da Previdência não tem nem 50 votos, diz vice-presidente da Câmara

Reforma da Previdência não tem nem 50 votos, diz vice-presidente da Câmara

ministro marcos pereira 20170126 0001 - Reforma da Previdência não tem nem 50 votos, diz vice-presidente da Câmara

Marcos Pereira, vice-presidente da Câmara, disse para o Estadão que o governo não tem nem 50 votos para aprovar a reforma.

“O presidente parece não querer aprová-la. Como deputado, sempre votou contra todas as propostas de reforma. Como candidato, a criticou. Agora, como presidente, joga a responsabilidade no Parlamento. O Rodrigo está sendo muito proativo. O problema é que o governo não se ajuda. Ele constrói e o governo, do outro lado da rua, desconstrói. Nós não podemos negar a política. Ao negar, corremos o risco de voltarmos ao momento que o Brasil já teve e que não é bom: momentos autoritários.”

“Esse ativismo do presidente nas redes sociais… Ele tem de entender que agora é o presidente da República, então tem temas que ele não pode abordar porque causam instabilidade. O presidente precisa tirar a senha do Twitter do Carlos e se colocar na função de presidente. Parece que, às vezes, Bolsonaro atua na função de presidente e às vezes atua como candidato. Militares reclamam de Carlos Bolsonaro. Gustavo Bebianno reclamou de Carlos. Congresso reclama de Carlos. Aliados reclamam de Carlos. PSL reclama de Carlos. Imprensa reclama de Carlos. Agora Paulo Guedes reclamou de Carlos. Na cabeça do pai, Carlinhos tem razão e é incompreendido. O governo tem de se concentrar agora. O que acrescenta o presidente postar aquele vídeo do Carnaval? O que acrescenta para o País? A opinião dele até concordo. Não concordo ter postado. São cenas fortes e ele não precisa se expor a esse nível. Olha o que gerou.”

Fonte: O Antagonista

Créditos: O Antagonista