Política

OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonho de pai ser realizado – Por Bruno Marinho

OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonho de pai ser realizado – Por Bruno Marinho

OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonha ser realizado

Quis o destino que a trágica morte do deputado estadual Genival Matias ocasionasse o seu maior sonho pessoal como pai: a reunião de seus seis filhos. O encontro aconteceu no velório do deputado, tanto em João Pessoa, na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) quanto em Juazeirinho, terra natal de Genival e município onde seu corpo foi sepultado.

Durante seus 53 anos de vida, Genival teve dois casamentos, e cada um gerou três filhos. Os filhos do primeiro casamento são Ana Virgínia, Carol e Genival Matias Neto, têm mais idade, todos acima dos 25 anos, e cada um já tem suas próprias famílias.

genival primeiro casamento - OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonho de pai ser realizado - Por Bruno Marinho

Da esq. para a dir.: Genival com seus filhos Genival Matias Neto, Ana Virgínia e Carol.

Do outro lado, em seu segundo relacionamento matrimonial, Genival teve mais três filhos, estes mais novos: Maria Helena (6 anos), Eduarda (8 anos) e João Vitor (11 anos), que conviviam com Genival e a mãe.

genival segundo casamento 2 - OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonho de pai ser realizado - Por Bruno Marinho

Da esq. para a dir.: Genival com seus três filhos – Maria Helena, Maria Eduarda e João Victor

Por um apego muito próximo ao pai, o primeiro trio nunca sentiu o desejo de conhecer seus irmãos mais novos e a mãe deles, convivendo, portanto, apenas com o pai e com sua mãe biológica.

Genival dizia que seu maior sonho pessoal era poder reunir os seis filhos em uma mesa para um almoço ou uma conversa, fato que nunca ocorreu enquanto vivo. Quis o destino que essa reunião acontecesse ao lado do seu caixão, em seu velório, após uma trágica morte por AVC isquêmico, no dia 19 de julho, enquanto pilotava um jet-ski com seu colega de Assembleia, o deputado Felipe Leitão, em uma praia no município de Ipojuca, em Pernambuco.

O encontro aconteceu em duas oportunidades. O velório do deputado ocorreu tanto na Assembleia Legislativa da Paraíba, em João Pessoa, quanto no ginásio da Escola Cidadã Integral e Técnica Marechal Almeida Barreto, localizada em Juazeirinho, no Seridó paraibano.

No primeiro encontro, em João Pessoa, os irmãos mais novos ainda não sabiam que os três mais velhos também estavam presentes. Sequer sabiam quem eram. Genival sempre contava que eles eram parecidos com os irmãos mais velhos, mostrou fotos, mas os irmãos pequenos não conseguiram identificar os mais velhos em meio à comoção. Cada família ficou de um lado do caixão.

genival velorio 1 - OS SEIS FILHOS JUNTOS: Só depois de morto Genival Matias viu seu maior sonho de pai ser realizado - Por Bruno Marinho

Filho João Vitor segura a mão do pai, enquanto Genival Matias Neto (de preto) observa o caixão.

No velório em Juazeirinho, as famílias seguiam separadas, até que um gesto protagonizado pelos irmãos mais velhos gerou ainda mais comoção ao ambiente triste. Eles chamaram os irmãos mais novos e os seis se abraçaram juntos, uma cena que rendeu aplausos de todos os presentes.

Homenagens

Desde sua morte, Genival recebeu diversas homenagens de amigos e da classe política, desde colegas de Assembleia e até do governador João Azevêdo (Cidadania). A mais significante delas, foi a aprovação por parte da ALPB de um projeto de Lei que dá novo nome à escola estadual localizada em Juazeirinho, onde Genival foi velado. Antes chamada de Escola Cidadã Integral e Técnica Marechal Almeida Barreto, a instituição de ensino agora se chama Escola Cidadã Integral e Técnica Deputado Genival Matias.