Política

'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa

'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa

O ex governador Ricardo Coutinho continua sendo alvo de calúnias por parte de profissionais da imprensa, mesmo não integrando mais a gestão estadual. Até o momento são sete os comunicadores processados por uso indevido de imagem ou calúnia, injúria e difamação. Ele disse que sempre foi vítima do que chamou de uma ‘milícia virtual’ que compartilha notícias falsas.

“Simplesmente acham que podem mentir de manhã, de tarde e de noite e essa mentira enganar a população”, informou o ex governador durante uma coletiva em maio desse ano. Ricardo se referiu às notícias compartilhadas na internet como “baixa imprensa” Ele revelou que vai participar de cinco audiências na Justiça após processos movidos por ele contra o que chamou de “fake news”. “Eu entrei na Justiça para que determinadas pessoas possam ir lá e provar aquilo que disseram, e vou dizer uma coisa, todos serão condenados”, opinou. O ex-governador não citou nomes de jornalistas. O Polêmica Paraíba consultou os

O jornalista Anderson Soares responde por crime de calúnia, injúria e difamação e por uso indevido de imagem. De acordo com documentação do processo, o motivo do processo foi a publicação de uma matéria inverídica (fake news) que dava conta que a casa do ex governador teria sido alvo de uma operação do  Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (GAECO).

O blogueiro e advogado Marcelo José está sendo processado por danos morais e uso indevido de imagem.

O assessor de imprensa Osni Sá terá que responder um processo de crime contra a honra, por calúnia, injúria e difamação. Também responde por crime contra honra o radialista Wanderly Farias.

osni sá processo - 'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa

O blogueiro do Politika, Alan Kardec, responde a dois processos. Um por calúnia, injúria e difamação e um por uso indevido de imagem.

alan kardec processo 2 - 'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa alan kardec processo - 'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa

O responsável pelo Paraíba Rádio Blog, Thiago Moraes, também terá que se explicar por calúnia, injúria e difamação e por uso indevido de imagem.

thiago moraes processo - 'MILÍCIA VIRTUAL': Ricardo Coutinho continua sendo alvo de fakenews e processa profissionais da imprensa

O jornalista Helder Moura também responde por calúnia, injúria ou difamação.

Fonte: Polêmica Paraíba

Créditos: Polêmica Paraíba