Política

Falou ao NYT | Presumi que seria parecido com a história de Snowden, diz Glenn

Falou ao NYT | Presumi que seria parecido com a história de Snowden, diz Glenn

Em outra parte, o The New York Times usa uma declaração de Glenn, um dos fundadores do site The Intercept, para mostrar como ele não pensava que seria denunciado. "Eu saberei como lidar com isto [vazamentos]". Mas o jornal avalia na linha seguinte que o americano subestimou a situação e que agora ele está no "centro de uma tempestade de fogo na política brasileira".

O motivo apontado é que na última semana o fundador do The Intercept foi acusado pelo Ministério Público Federal de invadir celulares de autoridades brasileiras. Glenn não foi investigado por causa de uma decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes. Mesmo assim, ele foi denunciado pelo procurador da República Wellington Divino de Oliveira porque teria ajudado, incentivado e orientado o grupo de hackers que entrou nos telefones. Além do jornalista, outras seis pessoas foram denunciadas.

Glenn ficou mundialmente conhecido porque revelou um esquema de espionagem em nível global do governo americano que incluía até o Brasil entre os alvos. As reportagens ocorreram depois de encontros com Edward Snowden, ex-administrador de sistemas da CIA e ex-contratado da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos.

Glenn recebeu prêmios pelas revelações. Final diferente da publicação das mensagens trocadas por responsáveis pela Operação Lava Jato, incluindo o ministro da Justiça, . Este caso terminou em denúncia.

Mas a medida do procurador da República também gerou uma série de reações de juristas, políticos e até do STF. Glenn também reagiu e disse que a acusação contra ele é uma tentativa de atacar a imprensa.