Política

Explosão no Líbano | Bolsonaro convida Temer, filho de libaneses, para liderar ajuda a Beirute

Explosão no Líbano | Bolsonaro convida Temer, filho de libaneses, para liderar ajuda a Beirute

O presidente (sem partido) disse hoje ter convidado o ex-presidente Michel Temer (MDB), filho de libaneses, para chefiar a missão humanitária do Brasil em Beirute.

A cidade atravessa momento de reconstrução depois que uma explosão de grandes proporções destruiu boa parte de sua região portuária, na última sexta-feira (7). O trágico incidente é sucedido de manifestações de rua contra a corrupção no país. Movimentos populares reivindicam a antecipação das eleições.

Bolsonaro revelou o convite a Temer durante videoconferência organizada pela França e pela ONU (Organização das Nações Unidas) com líderes mundiais discutir a situação do Líbano. O governante brasileiro não disse se o seu antecessor no cargo aceitou ou recusou a proposta.

bolsonaro live líbano - Reprodução/Facebook/jairmessias.bolsonaro - Reprodução/Facebook/jairmessias.bolsonaro
Bolsonaro participa de reunião virtual sobre a crise no Líbano
Imagem: Reprodução/Facebook/jairmessias.bolsonaro

Bolsonaro afirmou ainda que o Brasil irá enviar medicamentos, insumos médicos e alimentos ao Líbano, além de uma equipe de perícia para ajudar nas investigações sobre o incidente na capital libanesa.

"O Brasil é lar da maior diáspora libanesa do mundo", disse ele. "Por essa razão, tudo que afeta ao Líbano nos afeta como se fosse o próprio lar e a própria pátria."

Segundo autoridades, substância química causou a explosão no Líbano pois estava armazenada de maneira insegura - EPA/WAEL HAMZEH - EPA/WAEL HAMZEH
Segundo autoridades, substância química causou a explosão no Líbano pois estava armazenada de maneira insegura
Imagem: EPA/WAEL HAMZEH

Os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump, e da França, Emmanuel Macron, também participaram da conferência.