Política

'ESTOU À DISPOSIÇÃO': aliados de Bolsonaro defendem Rui Galdino na presidência do 'Aliança' na PB

'ESTOU À DISPOSIÇÃO': aliados de Bolsonaro defendem Rui Galdino na presidência do 'Aliança' na PB

Aliados do presidente Jair Bolsonaro na Paraíba defenderam, nesta quarta-feira (13), o nome do advogado Rui Galdino para presidir o ‘Aliança Pelo Brasil’, que está sendo gestado em Brasília para abrigar bolsonaristas de todo o Brasil. Lideranças do PSL e de outras legendas já se organizam para ingressar nos quadros do novo partido conservador.

Rui Galdino é um dos expoentes locais que apoiam Jair Bolsonaro desde a época em que o presidente ainda era deputado federal e pré-candidato à Presidência. Em entrevista ao programa Arapuan Verdade, da rádio Arapuan FM, Galdino teve o nome citado pela ex-primeira dama da Paraíba, Pâmela Bório, para presidir o PSL em João Pessoa.

“Eu defendo quem genuinamente continua apoiando o presidente Jair Bolsonaro. Vejo com bons olhos Rui Galdino, enfim, não se dobraram ao mau-caratismo ou então ao oportunismo. Tem muitos que até bem pouco tempo estavam de mãos dadas com o presidente do PSL estadual [Julian Lemos], e que só se afastaram porque tiveram seus interesses frustrados, então vejo com muita desconfiança esse tipo de atitude”, considerou.

Outra liderança, uma das maiores apoiadoras de Bolsonaro na Paraíba, também elogiou Rui Galdino e sugeriu que ele assuma a presidência do Diretório Estadual da nova legenda. Em condição de anonimato, a fonte destacou à reportagem que o novo partido deve ser gerido por alguém que tenha ‘um perfil técnico e não político’.

“O presidente deste novo partido tem que ser alguém que defenda a filosofia do partido, que pense no crescimento da legenda, que não seja candidato nas eleições do ano que vem e que não pense em si próprio, mas na legenda como um todo. Acho que Rui Galdino seria um ótimo nome para ocupar este espaço”, observou.

Mais cedo, os deputados estaduais Cabo Gilberto e Moacir Rodrigues reafirmaram que devem se filiar ao novo partido do presidente Jair Bolsonaro. Eles, no entanto, minimizaram as discussões sobre o comando da legenda na Paraíba e acrescentaram que, neste momento, o mais importante é oficializar e estruturar a sigla na Paraíba.

O que diz Rui Galdino

Questionado pela reportagem do Polêmica Paraíba, nesta quarta-feira (13), Galdino admitiu que pode vir a presidir a legenda no estado. Ele revelou, inclusive, que está em Brasília participando da articulação para a criação do partido, em Brasília. Ele informou que está ‘à disposição do presidente’ caso haja confiança em seu nome para presidir o partido.

“Eu já soube que lideranças da direita e alguns vereadores, inclusive sem ser do partido, estão sendo solidários a meu nome. Eu só tenho a dizer que estou à disposição para qualquer desafio. Recebo com satisfação essa notícia. Se houver confiança em meu nome, assumirei esta missão”, disse.