País

'PREOCUPAÇÃO MUITO GRANDE': especialista critica retirada de radares móveis das rodovias federais

'PREOCUPAÇÃO MUITO GRANDE': especialista critica retirada de radares móveis das rodovias federais

Radar móvel utilizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) / Foto: reprodução

O especialista em trânsito e presidente do instituto via, João Eduardo Melo, criticou a medida anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) que, nesta segunda-feira (12), durante a inauguração de obras de duplicação da rodovia BR-116 em Pelotas, no Rio Grande do Sul, prometeu que as rodovias federais não terão mais radares móveis a partir da semana que vem.

O presidente voltou a falar que existe no Brasil uma indústria da multa. “Estou com uma briga na Justiça para acabarmos com os pardais no Brasil, essa máfia de multa. É uma roubalheira. Essa é uma  verdadeira indústria da multa que existe para o Brasil. A partir da semana que vem não haverá mais radares móveis!”, exclamou.

Para João Eduardo Melo, o presidente precisa mostrar os estudos que comprovem essa realidade. “Estamos tomados de uma preocupação muito grande, pois todo essa arcabouço de radares é fruto de um estudo que evita multas. Essa forma de falar do presidente nos preocupa, pois não vemos um estudo mostrando que a retirada dos radares vai melhorar o nosso trânsito. Pelo contrário, a retirada vai aumentar os acidentes de trânsito”, destacou.

Fonte: Polêmica Paraíba

Créditos: Polêmica Paraíba