País

Mudança no jornalismo policial: programação terá que se adaptar à nova Lei de Abuso de Autoridade

Mudança no jornalismo policial: programação terá que se adaptar à nova Lei de Abuso de Autoridade

Os programas de TV e jornais, especializados na cobertura policial, terão que se adaptar à nova Lei de Abuso de Autoridade. No texto aprovado, na última semana, há um trecho, ainda pouco debatido, mas que impacta, diretamente, no jornalismo policial.

O artigo 14 configura como crime “fotografar ou filmar, permitir que fotografem ou filmem, divulgar ou publicar fotografia ou filmagem de preso, internado, investigado, indiciado ou vítima, sem seu consentimento ou com autorização obtida mediante constrangimento ilegal, com o intuito de expor a pessoa a vexame ou execração pública”. Essa prática é comum nos programas televisivos de todo o Brasil, especialmente, nas regiões norte e nordeste.

Fonte: Repórter Especial

Créditos: Repórter Especial