País

Monumento em homenagem ao Marechal Deodoro, tem estátua de 400 kg furtada, no Rio de Janeiro

Monumento em homenagem ao Marechal Deodoro, tem estátua de 400 kg furtada, no Rio de Janeiro

Uma estátua de 400 kg e 2 metros de altura foi furtada de um monumento em homenagem a Marechal Deodoro na Glória, Zona Sul do Rio, segundo a Gerência de Monumentos e Chafarizes do Rio, vinculada à Secretaria de Conservação. A escultura representa a mãe do primeiro presidente do Brasil, D. Rosa Paulina da Fonseca.

A gerência afirmou que fará o registro de ocorrência nesta segunda-feira (17). O órgão cuida, atualmente, de 1.371 monumentos (bustos, esculturas, estátuas, relógios e chafarizes). Também mantém contrato para manutenção no valor de cerca de R$ 900 mil.

Segundo a gerência, os monumentos sob a tutela do município são vistoriados e os reparos necessários, como limpeza, conserto hidráulico, elétrico e reposição de pequenas peças, programados para que sejam executados pelo contrato.

No caso de vandalismo ou furto de grandes peças, é feito um levantamento orçamentário, para abrir uma licitação para que seja feita a restauração e reposição.