País

Milton Neves | 3 mata-matas que tornariam o Brasileiro-20 mais interessante

Milton Neves | 3 mata-matas que tornariam o Brasileiro-20 mais interessante

Foto: Divulgação

É, minha gente, de forma ainda muito tímida, mas a bola já voltou a rolar nos campos brasileiros.

Primeiro lá no Rio, com toda confusão envolvendo Flamengo, FERJ, Globo…

No Gaúcho, a estimativa é que os jogos voltem no dia 26.

No Paulista, não existe data estipulada e seria muito digno se a FPF entregasse o troféu ao Santo André, líder geral da competição.

Nos outros estados a situação anda bem semelhante, com muitas dúvidas e poucas certezas.

Já a CBF "garante" que no dia 9 de agosto, portanto daqui pouco mais de um mês, teremos o início do Brasileirão.

E como será esse Nacional reduzido, corrido e certamente invadindo 2021?

Obviamente será muito difícil manter os inúteis turno e returno com pontos corridos que tanto prejuízo têm causado ao nosso futebol.

Portanto, sugiro um novo modelo de mata-mata para a edição do Brasileiro deste ano.

Não com apenas um, o já tradicional que é realizado para conhecermos apenas o campeão.

Mas a minha proposta é que a CBF realize três mata-matas.

"Como assim?", você deve estar se perguntando.

Então acompanhe meu raciocínio.

Primeiro mata-mata: após um turno, todos contra todos (19 rodadas), teríamos a definição dos oito primeiros que duelariam pelo título e pelas vagas na Libertadores

Segundo mata-mata: neste, os oito piores decidiriam quais os quatro rebaixados

Neste caso, os quatro piores jamais jogariam a toalha antes da hora por confiança ainda na repescagem.

Terceiro mata-mata: para os quatro intermediários que duelarão contra os quatro primeiros eliminados do pelotão de cima para sabermos quem vai para a Sul-Americana e quem vai para a pré-Libertadores.

E com "meus" três mata-matas acaba a tese dos contristas que batem o pé na ladainha de que o mata-mata assassina os 12 clubes não posicionados entre os oito melhores finda a etapa de classificação.

Ora, "do meu jeito", todos também jogarão partidas emocionantes após a primeira fase.

Com o mata-mata todos ganham!

Até mesmo o Brasileirão 2020, que já estava sendo dado como perdido por muita gente por aí.

E, se a cartolada me ouvir, esse formato terá tanto sucesso que será difícil não repetir em 2021, em 2022, em 2023…

Opine!