País

Militares advertem Bolsonaro que demissão de Moro pode levar ao impeachment

Militares advertem Bolsonaro que demissão de Moro pode levar ao impeachment

 Integrantes da ala militar alertaram Jair Bolsonaro de que a saída do ministro da  Justiça, Sérgio Moro, do governo poderá dar força ao movimento pró-impeachment. Segundo reportagem do blog da jornalista Bela Megale, os militares avaliam que a popularidade de Moro é “muito importante” para manter o apoio popular em meio a crescente mobilização política e social pelo afastamento de Bolsonaro do poder.

Nesta quinta-feira (23), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello deu um prazo de dez dias para que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), preste esclarecimentos sobre um pedido de impeachment de Bolsonaro feito por dois advogados e que não foi apreciado até o momento.

No ano passado, a ala militar do Planalto conseguiu intervir e evitar que Bolsonaro demitisse Moro. Nesta quinta-feira os generais voltaram à cena para  tentar impedir que ele deixe o governo devido à troca no comando da Polícia Federal feita por Bolsonaro.