País

DECISÃO: Empresário suspeito de matar o radialista Joacir Oliveira Filho vira réu

DECISÃO: Empresário suspeito de matar o radialista Joacir Oliveira Filho vira réu
joacir Filho - DECISÃO: Empresário suspeito de matar o radialista Joacir Oliveira Filho vira réu

RADIALISTA JOACIR FILHO

O empresário suspeito de matar o radialista Joacir Oliveira Filho, de 35 anos, em Campina Grande, se tornou réu no processo. Roberto Vicente Correia foi denunciado pelo Ministério Público da Paraíba como executor do crime ocorrido em um restaurante no dia 30 de maio deste ano.

A decisão é do juiz Bartolomeu Correia Lima, da 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Campina Grande. O magistrado reconheceu, segundo os autos, as provas da materialidade do crime e os indícios da autoria por parte de Roberto Vicente Correia.

Empresário acusado de matar radialista tem prisão mantida e é encaminhado para Penitenciária em CG

Na mesma decisão, o motorista do empresário, identificado como Mário Lúcio de Oliveira, que aparece em imagens do restaurante ajudando Roberto Vicente Correia a sair do restaurante, também se tornou réu.

Agora, os advogados dos réus têm 10 dias para apresentar defesa preliminar por escrito. Em seguida, o juiz vai convocar o Ministério Público para questões relacionadas a novos documentos apresentados. Depois disso as audiências de instrução serão iniciadas.

Entenda o caso

Joacir Oliveira Filho, de 35 anos, foi morto em um restaurante do Centro de Campina Grande na noite de uma quinta-feira, 30 de maio. Ele levou um tiro no tórax. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local a vítima já tinha ido a óbito. Joacir é de uma família de comunicadores de Campina Grande.

Fonte: Com informações do G1

Créditos: Com informações do G1