País

Carros que participaram de carreata contra isolamento são multados

Carros que participaram de carreata contra isolamento são multados

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) informou que na tarde desta sexta-feira (27) multou 50 veículos que estacionaram na avenida Afonso Pena e na rua Goiás, no centro da capital. Os veículos faziam parte de uma manifestação que pedia o fim do fechamento do comércio, causado pela pandemia de coronavírus.

De acordo com a PBH, os carros foram autuados pela Guarda Municipal por estarem em desacordo com a legislação. “A prefeitura esclarece ainda que o mesmo procedimento será adotado em movimentos que descumprirem a legislação”, informou.

Carreata

Dezenas de pessoas participaram de um protesto a favor da retomada do funcionamento do comércio e das empresas em geral em Minas Gerais. O grupo saiu em carreata da Cidade Administrativa em direção à sede da PBH e se manifestou contra as medidas de isolamento social impostas pelo poder público.

Os participantes pediram a suspensão do Decreto Municipal 17.304, do prefeito Alexandre Kalil (PSD), que determinou a suspensão dos alvarás de localização e funcionamento “emitidos para realização de atividades com potencial de aglomeração de pessoas”, como bares, restaurantes e shopping centers.

'REVOGUE, KALIL, SEU DECRETO. O PESSOAL PRECISA TRABALHAR' – Dezenas de pessoas participam, nesta sexta-feira (27), de um protesto a favor da retomada do funcionamento do comércio e das empresas em geral em Minas Gerais. . . O grupo saiu em carreata da Cidade Administrativa em direção à sede da Prefeitura de Belo Horizonte e manifesta contra as medidas de isolamento social, impostas pelo poder público para conter o avanço do coronavírus. . . Eles pedem a suspensão do decreto municipal, sancionado pelo prefeito Alexandre Kalil (PSD), que determinou a paralisação de uma série de atividades na capital. . . Leia a matéria completa de Rafaela Mansur (@rafammansur) no link da bio. . . Vídeo: Alexandre Mota/O TEMPO (@alexandrecmota) . #BH #manifestação

Uma publicação compartilhada por O Tempo (@otempo) em