País

Bolsonaro diz que aguarda resposta dos EUA para indicar Eduardo à Embaixada

Bolsonaro diz que aguarda resposta dos EUA para indicar Eduardo à Embaixada

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a defender, nesta sexta-feira (19), a indicação do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL), o filho, para a Embaixada do Brasil nos Estados Unidos. Desta vez, disse que falta uma resposta dos EUA sobre o tema e afirmou ter certeza da aprovação da indicação pelo Senado Federal.

“Eu entro em campo para ganhar o jogo, sempre. Eu acho que o Senado vai fazer uma boa sabatina e tenho certeza de que será aprovado. Agora, talvez haja 1 viés político por parte de alguns. Paciência. Eu espero que ele seja aprovado”, afirmou.

Antes de assumir o cargo, Eduardo Bolsonaro precisaria ser sabatinado pela Comissão de Relações Exteriores do Senado. Quatro senadores já demonstraram interesse em relatar a indicação do filho do presidente.

Para que a indicação de Eduardo seja consumada, o Planalto estaria apenas aguardando o retorno dos EUA. A minuta apresentando o nome do deputado ao governo norte-americano já teria sido enviada.

“Já deve ter mandado ali… Isso é uma praxe, tá num acordo, uma legislação de Viena. Nesse sentido temos que fazer isso daí. Duvido, acho muito difícil, ter uma negativa por parte dos Estados Unidos”, disse. Em seguida, confirmou os próximos passos: “Falta a resposta dos EUA. Uma vez havendo a resposta… o Ernesto Araújo está fora do Brasil, a gente comunica o Senado Federal para que que seja marcada a data da sua sabatina.”

Segundo ele, Eduardo será uma vitrine do Brasil nos EUA. O presidente ainda questionou se ele indicaria alguém despreparado para tal responsabilidade: “Ele vai ser nosso cartão de visita lá. Sabe da tremenda responsabilidade terá pela frente”.

Fonte: Poder360

Créditos: Mateus Maia