País

Bolsa não estourou | Brasileira é premiada por foto de bebê que nasceu empelicado

Bolsa não estourou | Brasileira é premiada por foto de bebê que nasceu empelicado

A fotógrafa brasileira Janaína Brasil foi a única da América Latina premiada neste ano pela Birth Photography Image Competition, realizada pela Associação Internacional de Fotos Profissionais de Nascimento, fundada nos Estados Unidos.

Ela foi reconhecida na categoria melhor "detalhe de nascimento" por uma foto publicada em janeiro de 2019, que mostra um bebê que nasceu empelicado — ou seja, dentro do saco amniótico que não se rompeu — em Vila Velha, no Espírito Santo.

O menino, Noah, foi o segundo bebê empelicado registrado no ano passado — esse procedimento é raro e acontece em cerca de um a cada 80 mil nascimentos, consequência do fato da criança permanecer dentro do saco amniótico, que normalmente se rompe quando a gestante tem suas primeiras contrações.

"O segundo bebê empelicado de 2019. Noah chegou fazendo biquinho também", escreveu ela, na época, ao compartilhar a foto.