Mundo

Rússia supera marca de 15 mil mortes em decorrência da covid-19

Rússia supera marca de 15 mil mortes em decorrência da covid-19

A Rússia registrou nesta segunda-feira (10) mais 70 mortes em decorrência da covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, com isso, o total de falecimentos no país desde o início da pandemia chegou a 15.001.

Ainda de acordo com dados apresentados pelo comitê do governo que coordena a luta contra a propagação do patógeno, nas últimas 24 horas, foram contabilizados 5.118 casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o somatório para 892.654.

As autoridades locais ainda apontam que no território russo há quase 181 mil casos ativos.

O principal foco da pandemia na Rússia segue sendo Moscou, que teve 248.228 resultados positivos em testes de diagnóstico para o novo coronavírus, e 4.585 mortes em decorrência da covid-19.

Há várias semanas, a média diária de casos de infecção gira em torno de 600 a 700 na capital, que tem quase 13 milhões de habitantes, de acordo com os números oficiais.

Segundo o prefeito de Moscou, Sergey Sobyanin, os números não representariam uma ameaça para o sistema de saúde da cidade e devem se manter até que a pandemia regrida ou seja possível contar com uma vacina eficaz contra o novo coronavírus.