Mundo

Incêndio em plantação mata 11 na Venezuela; 9 vítimas são menores

Incêndio em plantação mata 11 na Venezuela; 9 vítimas são menores

A Procuradoria-Geral da Venezuela confirmou nesta sexta-feira (24) que pelo menos 11 pessoas, nove delas menores de idade, morreram em um incêndio ocorrido ontem na cidade de Cagua, no estado de Aragua, norte do país, apesar das equipes de resgate inicialmente tivessem relatado dez mortes.

"Minhas sinceras condolências aos familiares das vítimas desses infelizes acontecimentos que ocorreram na noite passada em que nove adolescentes e dois jovens morreram até agora", disse o procurador-geral, Tarek William Saab, em comunicado à imprensa.

Saab também explicou que o incêndio ocorreu em um canavial perto de um lago nas proximidades de Cagua, onde parte da colheita é queimada periodicamente.

Quando isso ocorre, "os animais saem da mata", então "é tradição que os habitantes da região venham para caçá-los, algo acontece há mais de 30 anos", segundo o promotor.

No entanto, ontem "mudou a direção do vento" de surpresa, levando as chamas para a área onde os animais estavam sendo caçados e o fogo "deixou as vítimas presas".

Mas ele acrescentou que esses dados são "fatos preliminares iniciais e os procuradores encarregados pelo caso buscarão descobrir os responsáveis".

Tarek Saab disse ter enviado uma comissão de procuradores que já estão "no local dos acontecimentos, acompanhados pelo procurador superior do estado de Aragua".

Toda a comitiva integra uma "comissão interdisciplinar para realizar as investigações correspondentes e esclarecer o que aconteceu".

Aragua era uma região industrial e no local foram instaladas fábricas do setor automotivo e alimentício, muitas das quais fecharam suas portas nos últimos anos devido à crise econômica que a Venezuela atravessa e que implica uma contração da economia de mais de 50%.