Mundo

Ex-jogador de rúgbi tinha histórico de violência contra esposa e filhos

Ex-jogador de rúgbi tinha histórico de violência contra esposa e filhos
Rowan Baxter e Hannah Clarke foram casados por 11 anos

Rowan Baxter e Hannah Clarke foram casados por 11 anos

Reprodução/Facebook

Rowan Baxter ostentava nas redes sociais uma vida em família feliz e desejável, mas há poucos meses ele foi proibido de se aproximar da ex-mulher, Hannah Clarke. A vida em família tinha se tornado insustentável, e eles se separaram, mas Baxter não lidou bem com a mudança.

Leia mais: Ex-jogador de rúgbi mata esposa e três filhos queimados na Austrália

Rowan e Hannah foram casados por 11 anos e tiveram três filhos juntos. Os dois eram donos de uma empresa fitness em Brisbane, na Austrália, onde o crime ocorreu. Na página, os dois ainda aparecem juntos em um vídeo explicando "como tornar sua vida mais saudável".

Os dois aparecem juntos em vídeo da empresa

Os dois aparecem juntos em vídeo da empresa

Reprodução

Na descrição da conta de instagram do ex-atleta aparecem as palavras "marido", "pai" o emoji de uma aliança, seguido do endereço da conta de Hannah, como se eles estivéssem casados. Mas a dela apenas a descreve como "uma mãe orgulha da duas princesas e um príncipe" além de temas relacionados com a empresa a qual eles eram donos.

Em entrevista a jornais locais, os pais de Hannah contaram que os dois estavam separados há alguns meses. Recentemente, eles haviam dado entrada na guarda compartilhada dos filhos. E Baxter estava proibido de se aproximar de Hannah.

Os dois ainda não conseguem entender como tudo aconteceu. Os pais dela acreditam que Baxter poderia ter hackeado o celular dela para seguí-la. Segundo eles, o marido já sabia de muitas coisas 'que não deveria saber'.

Ainda em entrevista ao New York Post, os pais dela acreditam que ele tenha 'emboscado' a ex-esposa, porque levando em conta os episódios de violência anteriores, ela não teria parado o carro para ele.

Em certa ocasião, ele chegou a sequestrar uma das filhas, que só foi resgatada 4 dias depois, e em outro estado da Austrália.

Crime bárbaro

Rowan Baxter jogou combustível na ex-esposa e nos três filhos enquanto eles estavam dentro do carro. A esposa conseguiu sair do carro e gritou: 'ele jogou gasolina em mim'. A família morreu carbonizada, Baxter se esfaqueou e também morreu no local.

O primeiro-ministro da Austrália, em nota, lamentou o fato. "Meu coração está voltado para as famílias e a comunidade que estão passando por esse período trágico e para as equipes de emergência enfrentarem o que deve ter sido uma cena devastadora", finalizou.