Mundo

Ativista x gigante de tecnologia | Mulher anã que foi abandonada por pais adotivos rebate acusações de casal

Ativista x gigante de tecnologia | Mulher anã que foi abandonada por pais adotivos rebate acusações de casal

Natalia Grace Barnett, mulher ucraniana que está envolvida em uma série de polêmicas sobre sua identidade, quebrou o silêncio em entrevista dada ao Dr. Phil McGraw, famoso psicólogo dos EUA. O conteúdo será exibido na próxima quinta-feira (7).

Anã e órfã, ela foi adotada em 2010 por Kristine e Michael, que a abandonaram três anos mais tarde, alegando que Barnett teria ocultado sua idade e tentado assassiná-los - na época, o casal se mudou para o Canadá e deixou Barnett sozinha em Indiana, nos EUA.

"Natalia colocava tachinhas claras voltadas para cima nas escadas para que, quando subíssemos as escadas, pisássemos nas tachinhas e nos machucássemos", disse Michael em entrevista do Good Morning America.

Segundo a certidão de nascimento, Barnett, que possui displasia espondiloepifisária tardia, teria hoje 16 anos, mas o casal já afirmou que acredita que ela tenha ao menos 11 anos a mais do que o que consta nos documentos.

A entrevista de Barnett - que já foi adotada novamente - com o Dr. Phil é a primeira dela desde que a história ganhou as manchetes dos EUA, em setembro.

No clipe que promove a entrevista, divulgado pela People, o psicólogo desafia a mulher a rebater as acusações feitas pelo casal que a adotou há quase uma década.

Ela, então, respondeu ao apresentador que quer revelar o seu lado da história e que não é vigarista.