Geral

Ministério Público investiga denúncias de redução na oferta de vagas para deficientes na UFPB

Ministério Público investiga denúncias de redução na oferta de vagas para deficientes na UFPB

Segundo uma portaria publicada no Diário Oficial do Ministério Público Federal desta quinta-feira(06) o órgão instaurou um inquérito para investigar denúncias de que as vagas reservadas para pessoas com deficiência estariam sendo diminuídas na Universidade Federal da Paraíba.

A proporção de vagas destinadas a portadores de deficiência  deve ser estabelecida levando em conta o número de pessoas com deficiência que vivem no estado em que a instituição se localiza segundo o censo do IBGE.

O MPF solicitará à UFPB informações acerca das denúncias. A portaria foi assinada pelo procurador da República, José Guilherme Ferraz.