Geral

Entrevista à Rádio Vaticano | Damares critica 'ativismo pró-aborto' no Brasil e diz: 'É um novo momento'

Entrevista à Rádio Vaticano | Damares critica 'ativismo pró-aborto' no Brasil e diz: 'É um novo momento'

A ministra Damares Alves disse que nos últimos anos teve "um ativismo pró-aborto" no Brasil e defendeu uma proteção à vida desde a concepção, durante entrevista para a Rádio Vaticano, na manhã de hoje.

Na companhia da primeira-dama Michelle Bolsonaro e outras primeiras-damas de países da América Latina, ela está em Roma para uma agenda de compromisso, que inclui visita ao Papa Francisco.

Ao falar sobre políticas públicas para gestantes e crianças, a ministra disse: "Nós tivemos nos últimos anos um ativismo muito pró-aborto no Brasil. Quando a gente fala sobre proteção da vida desde a concepção as pessoas estão entendendo que é uma ideologia contrária ao que estava lá. Não, não é nenhuma ideologia, não é nenhuma bandeira política, é o óbvio. Como nação cristã, nós precisamos proteger a vida desde a concepção".

Ela também exaltou a postura do atual governo sobre o tema. "Esse governo teve coragem de dizer publicamente, não só internamente, mas para o mundo, que nós somos agora um governo que protege a vida desde a concepção. Isso causou um barulho no mundo, foi muito ousado e corajoso, mas nós estamos aqui admitindo e convocando o Brasil a proteger a vida desde a concepção", declarou.

Ainda sobre o assunto, ela defendeu sua postura: "Não ao aborto, sim! A legislação brasileira está lá, não vamos fazer nenhum ativismo para mudar isso, mas vamos conversar com o Brasil sobre a necessidade de proteger a vida desde a concepção. É um novo momento".