Geral

Creci-PB: venda de imóveis rendeu R$500 mil a corretores

Creci-PB: venda de imóveis rendeu R$500 mil a corretores

O Creci-PB  e a Caixa Econômica Federal na Paraíba iniciaram uma série de encontros, com vistas a fortalecer a relação institucional e nesse sentido, planejar e colocar em prática ações que venham a fomentar a participação de novos corretores de imóveis e reciclagem dos já credenciados no convênio para fomento à venda dos imóveis adjudicados pela CEF.

Na próxima segunda-feira (22), haverá uma nova reunião na sede do Creci-PB, em João Pessoa, com os corretores credenciados, ocasião em que serão apresentadas algumas mudanças recentes que aconteceram no processo de venda, como a participação de Correspondentes Bancários Caixa, os Correspondentes Caixa Aqui, no processo de contratação, bem serão dirimidas as principais dúvidas dos corretores.

Reuniões por todo o Estado

Será marcada ainda, em data posterior, uma grande reunião com corretores que ainda não estão no convênio para que conheçam a oportunidade de vender os imóveis da Caixa. A ideia é expandir essas reuniões para outros grandes centros do estado como Campina Grande, Cajazeiras, Sousa, Patos e Catolé do Rocha. Esses e outros pontos foram discutidos durante encontro do supervisor de Filial da Caixa, Adonay Carvalho, com o presidente do Creci-PB, Rômulo Soares, acompanhado pelo superintendente Gustavo Beltrão.

Atualmente, a Caixa possui 678 imóveis disponíveis para venda em todo o estado, sendo 436 na Região Metropolitana e 242 nos demais municípios, com desconto médio de 38% em relação ao valor de avaliação. Os imóveis estão espalhados em mais de 50 municípios. Apenas em João Pessoa são cerca de 310 imóveis espalhados em mais de 40 bairros, com grandes oportunidades, principalmente em Gramame, Paratibe e Bairro das Indústrias.

Número recorde

Só este ano, a Caixa já vendeu, na Paraíba 122 imóveis (R$ 17.440.850,82), esse valor já supera o total vendido em 2018 e a quantidade corresponde a 70% do negociado no ano anterior.

Ainda existem outros 71 processos de venda em processo de finalização (R$ 7.639.877,85). Em levantamento realizado nas vendas em 2019, mais de 60% tiveram participação dos corretores credenciados. Até o momento já foram pagos em comissão  cerca de R$ 500.000,00.

No ano passado a participação foi de pouco mais de 40% e foram pagos algo em torno de R$ 240.000,00 em comissão, cerca de 47% a menos, o que mostra a importância da participação dos corretores no processo de venda dos imóveis da Caixa.

Fonte: Mais Pb