Geral

'ADOTE UM IDOSO': Promotoria de Justiça realiza campanha para ajudar pessoas idosas em instituições de longa permanência

'ADOTE UM IDOSO': Promotoria de Justiça realiza campanha para ajudar pessoas idosas em instituições de longa permanência

A Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania e dos Direitos Fundamentais de João Pessoa está realizando a campanha ‘Adote um idoso’ com o objetivo de incentivar as pessoas a ajudar uma pessoa idosa que esteja em instituições de longa permanência.

Segundo a promotora de Justiça Sônia Maria de Paula Maia, muitos desses idosos estão institucionalizados porque foram deixados, por abandono da família, ou como medida de proteção, aplicada administrativamente pelo Ministério Público ou judicialmente, por viverem sozinhos ou não terem condições de gerir sua própria pessoa e prover a própria subsistência.

A promotora ressalta que os idosos que estão aptos à adoção pelos padrinhos e madrinhas podem ser encontrados nos abrigos nas instituições de longa permanência para idosos, nas entidades filantrópicas de João Pessoa (Lar da Providência, Casa da Divina Misericórdia, Nosso Lar, Aspan – Associação Promocional do Ancião e Vila Vicentina).

A promotora lembra que, nesta época de Natal, muitas pessoas aderem à campanha ‘Papai Noel dos Correios’, se disponibilizando a ajudar crianças, prioritariamente, estudantes das escolas da rede pública, que escrevem cartinhas para o Papai Noel solicitando presentes. Para a promotora, além das crianças, existem idosos em situação de vulnerabilidade e que não conseguem escrever cartas. “Com certeza os idosos que encontram-se em situação de risco e vulnerabilidade pessoal e social, não terão condições de escrever suas cartinhas, para pedir aos eventuais padrinhos e madrinhas, um pouco de carinho, de atenção, um gesto de afeto, um medicamento, um abrigo, um cobertor, um colchão, uma vestimenta, mesmo que usada, um alimento, até mesmo um pedaço de pão e um copo de café. Basta serem guiados pelo senso humanitário e pela certeza de que todos nós somos filhos de Deus”, explica.

Ainda segundo a promotora Sônia Maia, a adoção de um idoso pode ser feita a qualquer momento, não somente na época natalina. “Para adotar um velhinho ou uma velhinha, não é preciso esperar pelas festas natalinas. É um ato de amor e deve ser exercido de forma espontânea, sem espera de reconhecimento, de agradecimentos, nem honrarias”, conclui.

Mais informações podem ser obtidas na Promotoria da Cidadania e Direitos Fundamentais de João Pessoa, na Rua Rodrigues Chaves, 65, Centro, João Pessoa. Tel: 2107-6107.

Instituições 1- Aspan (Associação Promocional do Ancião Dr. João Meira de Menezes) – R. Antônio Correa de Matos, 55 – Cristo Redentor, João Pessoa.

2- Vila Vicentina Júlia Freire – Endereço: R. Etelvina Macedo de Mendonça, 327 – Torre, João Pessoa.

3- Lar da Providência Carneiro da Cunha – Endereço: Av. Santa Catarina, 5 – Estados, João Pessoa.

4- Casa da Divina Misericórdia – Endereço: Rua Zélia Medeiros de Araújo, 127 – Bancários, João Pessoa.

5- Instituição Espírita Nosso Lar – Endereço: Praça Abdon Milanez, 115 – Castelo Branco, João Pessoa.