Esportes

UFC 239 | Jones vence 'Marreta' por decisão dividida

UFC 239 | Jones vence 'Marreta' por decisão dividida

Realizado neste sábado (6) na cidade de Las Vegas (EUA), o card do UFC 239 contou com a disputa do cinturão dos meio-pesados (93 kg) entre Jon Jones e Thiago 'Marreta' como grande atração da noite. E provando mais uma vez que é o melhor lutador de todos os tempos da categoria, o americano travou uma batalha de cinco rounds contra o desafiante justamente no campo onde seu rival tem mais a oferecer perigo: a troca de golpes em pé.

Ao final dos cinco assaltos, apesar de ter dominado a disputa e acertado mais golpes, a falta de combatividade do americano em alguns momentos pareceu irritar a torcida e não convenceu os jurados, que se dividiram na hora de marcar o resultado. De forma dividida, 'Bones' manteve o cinturão dos meio-pesados e ampliou seu cartel.

"É, no primeiro round meu joelho saiu do lugar, machucou mesmo e não consegui movimentar direito. Mas é isso, sem choro. Só tenho a agradecer o UFC e ao Jon Jones. (...) Fiz o que eu gosto, sair na porrada. (...) Saí da Cidade de Deus e cheguei aqui,sem lamentações", finalizou Marreta.

A luta

O primeiro assalto ficou marcado pela cautela e precisão do brasileiro. Apostando em chutes baixos, por vezes na canela de Jones, Marreta incomodou e abriu caminho para algumas sequências que, terminadas em cruzados de esquerda, tocaram o rosto do oponente algumas vezes. Ele, por sua vez, caminhou mais para frente e dominou o octógono, mas sem tanta efetividade nos golpes.

Na segunda etapa, logo na primeira troca de golpes o brasileiro arriscou um chute mas pareceu machucar sua perna. Ao partir para cima, 'Bones' foi recebido com um cruzado de esquerda que o fez balançar e atacar com mais calma. E foi aí que ele passou a ficar mais perigoso. Depois de quase dois minutos apenas cercando o desafiante, o americano acertou um chute alto que levou Marreta a knockdown, o que lhe garantiu a vantagem do assalto.

O terceiro round ficou marcado pelo momento em que o campeão dos meio-pesados provou porque tem mais armas do que seus oponentes da categoria. Com uma cotovelada giratória, ele levou o brasileiro a knockdown, dando início a uma sequência de ataques que por pouco não levaram ao final do combate. Uma joelhada voadora, chute rodado, cruzados e cotoveladas balançaram Marreta, que resistiu até o soar do gongo. Jones 2 x 1 Marreta.

No quarto assalto, o desafiante aproveitou um ataque de Jones para acertar dois cruzados que o fizeram balançar a ponto de precisar atravessar o ringue correndo de costas para o rival, com medo de ser nocauteado. Depois disso, no entanto, 'Bones' dominou o assalto e colocou Marreta contra as grades em diversas ocasiões. Round equilibrado, mas com ligeira vantagem na parcial para Bones.

Com as pernas duramente castigadas e dificuldade para caminhar, Marreta mostrou resistência para aguentar os golpes do adversário, mas pouco pôde fazer e, caminhando para frente e atacando com cruzados, convenceu alguns jurados que mereceu vencer a parcial. Bela luta e nova vitória para Jon Jones!

Acompanhe os resultados do UFC 239:

Jon Jones venceu Thiago 'Marreta' por decisão dividida;
Amanda Nunes nocauteou Holly Holm no 1º round;
Jorge Masvidal nocauteou Ben Askren no 1º round;
Jan B?achowicz nocauteou Luke Rockhold no 2º round;
Michael Chiesa venceu Diego Sanchez por decisão unânime;
Arnold Allen venceu Gilbert Melendez por decisão unânime;
Marlon Vera finalizou Nohelin Hernandez no 2º round;
Cláudia Gadelha venceu Randa Markos por decisão unânime;
Yadong Song nocauteou Alejandro Pérez no 1º round;
Edmen Shahbazyan finalizou Jack Marshman no 1º round;
Chance Rencountre venceu Ismail Naurdiev por decisão unânime;
Julia Avila venceu Pannie Kianzad por decisão unânime.