Esportes

Rodolfo Rodrigues - Champions terá o menor número de ex-campeões nas quartas de final

Com a eliminação de Juventus e Real Madrid nessa sexta (7), a Liga dos Campeões poderá ter apenas dois ex-campeões nas quartas de final da edição 2019/20. Desde 1994/95, quando a competição passou a contar com essa fase no novo formato, na era da Champions League, o número mínimo de ex-campeões havia três (em 1996, 2001, 2004 e 2008).

E esse número de ex-campeões poderá ser ainda menor, caso o Barcelona seja eliminado pelo Napoli no sábado (8). Apenas o vencedor do confronto entre Bayern Munique (cinco vezes campeão) e Chelsea (campeão em 2012), irá garantir pelo menos um campeão nas quartas de 2020.

Entre os seis classificados até agora para as quartas de final, apenas um chegou à final da Liga dos Campeões: o Atlético de Madri, vice em 1974, 2016 e 2018). Na era da Champions League, desde 1992/93, o Barcelona luta para chegar às quartas pela 13ª vez seguida e pela 18ª vez na história. O Bayern Munique, virtualmente classificado após ganhar do Chelsea por 3 x 0 no jogo de ida, fora de casa, também poderá chegar às quartas pela 18ª vez.

Clubes que mais chegaram às quartas de final na era da Liga dos Campeões (desde 1992/93):

17 - Barcelona
17 - Bayern Munique
16 - Real Madrid
15 - Manchester United
12 - Juventus

Classificações para as quartas na Liga dos Campeões entre os times já classificados em 2020:
6 - Atlético de Madri (1997, 2014, 2015, 2016 e 2017)
6 - PSG (1995, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2020)
5 - Lyon (2004, 2005, 2006, 2010 e 2020)
4 - Manchester City (2016, 2018, 2019 e 2020)
1 - Atalanta (2020)
1 - RB Leipzig (2020)

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)